Microsoft e Sony anunciam parceria para cloud, IA e streaming

Status
Este tópico está fechado para novas postagens.

Pegazuswarri0R

VINGADOR MALIGRINO
PXB Gold
1,933
1,950
ARQ - SP
Obs.: Esqueci de outro detalhe tenho um filha pequena que destruiu todos meus dvd's de shows, cd's de música, dai que me adaptei ate mais rápido a era digital!:weary_face:
Esse é um ótimo motivo pra adotar a mídia digital

Eu também tenho um filho pequeno que adora lixar o chão com meus CDs antigos de música e jogos. Eu fico de boa e até dou pra ele brincar. Já imaginou se fossem as mídias dos meus jogos? Olha aí a mídia digital reduzindo estresse e fazendo as crianças felizes ao mesmo tempo. :joy:
Rapaz, desde quem meu filho começou a engatinha eu ensinei a ele a não mexer em meus cds e dvds. inclusive eu comprei alguns cds pra ele (alguns até caros pois eram finalandeses como Hevysauros que é uma banda heavy metal voltado para crianças) e sempre mostrando quais era os dele e quais eram os meus e, graças a Deus, nunca tive problema. Mas criança já viu né...

inclusive meu filho joga na minha conta e tem o pin com os jogos que ele pode, e até agora ele tem sido muito obediente e nunca entra em jogo novo/que não está no pin dele, sem pedir antes.

Mas tenho amigos que já sofreram coisas piores que vocês, como a filha pegar o copo de leite e jogar no One S branco, nunca vi um marmanjo tremendo e chorando tanto kkkkkkkkkkkkkkk
 

Saci

Heimdall dos Pampas
Moderador
10,701
14,068
inclusive meu filho joga na minha conta e tem o pin com os jogos que ele pode, e até agora ele tem sido muito obediente e nunca entra em jogo novo/que não está no pin dele, sem pedir antes.
Vai estudando a "conta para crianças" da Microsoft. Quando ele ficar um pouco mais velho, deve ficar mais complicado dividir sua própria conta com ele. Qualquer coisa manda MP que te dou mais detalhes.
 
  • Amei
Reações: Pegazuswarri0R

JrMaier

Jogador
No meu caso foi o contrário morava em uma cidade de 250K habitantes e vim pra uma de 120K, atualmente pago 120 bolsonaros em um internet de 35 megas, fibra ótica e ela é recente aqui, tipo de um ano pra cá. Já em minha cidade natal meus amigos pagam em média 70 e poucos em uma de 150 megas.

Minha galera de amigos em torno de umas 12 pessoas, nenhum consome mídia física, já em dois grupos do whatsapp que participo a galera gosta mais da mídia física.

Mais como você disse, também gostaria muito de saber os dados em nosso ambiente nacional.
Hoje com a retrocompatibilidade e poder compartilhar conta com um amigo, é vantagem a mídia digital. Eu só compro mídia física se a diferença é muito grande no preço.

Sobre a internet, moro numa cidade de 18k habitantes e pago 90,00 na internet de 35mb, mas até começo do ano pagava o mesmo por 8mb.
 
  • Curtir
Reações: MASSALLER-MG

Pegazuswarri0R

VINGADOR MALIGRINO
PXB Gold
1,933
1,950
ARQ - SP
Vai estudando a "conta para crianças" da Microsoft. Quando ele ficar um pouco mais velho, deve ficar mais complicado dividir sua própria conta com ele. Qualquer coisa manda MP que te dou mais detalhes.
Cara, dei uma pesquisada aqui, gostei e vou fazer uma conta para meu filho. Obrigado pela dica!

PS: como nunca me toquei de procurar por isso?
 
  • Curtir
Reações: Saci e RAYMON

dezenove

Viciado
1,324
1,051
Eu moro em uma cidade de 500k habitantes.
Mas mudei para um bairro novo, que infelizmente as grandes operadoras não atendem.
Pago em 15mb, 127,90. Da internet em si, não tenho do que reclamar, sempre chega a 15mb nos testes, e é por fibra.
Eles até tem planos com internet maior, mas é muito caro, ai não compensa.
Infelizmente tenho que me contentar com isso no momento, mas minhas midia são todas digitais, eu não me sinto prejudicado de alguma forma por conta da internet, único detalhe que demora mais para fazer o download, mas nada que interfira em algo para mim.

Agora sobre questão de streaming, ai já não sei como ficaria. Tem alguma informação de pelo menos quantos mb precisa ter para rodar?
 

fblipe

Viciado
1,428
1,463
Curitiba
Pago 149,90 por 75mb na Copel Telecom
100% mídia digital aqui, embora as vezes a diferença de preço me faça pensar na mídia física. Impressionante como o preço da mídia física despenca rápido.
 
  • Curtir
Reações: Pegazuswarri0R

HenriquePerche

Viciado
6,725
6,789
Ribeirão Preto
Impressionante como o preço da mídia física despenca rápido.
Fazia um bom tempo que eu tava só na mídia digital, mas não sei que diabos aconteceu com a mídia física que os preços tão despencando...

Minhas últimas 3 compras foram todas de mídia física:
Anthem - 99
Days Gone - 134
The Division 2 - 59

Todos lacrados.

Bom, eu vou onde o menor preço me levar
 

patrickfb

Viciado
1,392
1,697
Vila Velha - ES
entrevista do CEO da sony

Vamos de Google tradutor mesmo, se alguém quiser o original fica aqui o link.
https://www.irwebmeeting.com/sony/fast/20190521/k7a24dmc/strategy2019_02_en/index.html

Em relação à sua colaboração com a Microsoft, qual é o tamanho provável do dinheiro e o tamanho do negócio? Por exemplo, no negócio de jogos, quanto seria responsável pelo tamanho do bolo? Ao concluir esse MoU, provavelmente os números ainda não estão tecnicamente disponíveis, mas em termos de tamanho de negócio, qual é a sua antecipação ou previsão do provável tamanho da operação?

A: Obrigado pela pergunta. Em nossa colaboração com a Microsoft, e o tamanho provável que temos em mente, neste momento, para termos uma discussão mais ampla e profunda, assinamos um MoU. A longo prazo, a tendência de serviços de nuvem e streaming irá amadurecer, mas é muito difícil determinar o cronograma. Temos trabalhado com serviços de streaming nos últimos 5 anos e existem vários aspectos difíceis. A latência da rede para um. Alguns exemplos que eu poderia citar, por exemplo, os meios típicos de minimizar a latência é a colocação de servidores na borda mais perto dos usuários - mas mover os servidores para mais perto de um grupo de usuários pode significar aumentar a latência para outro grupo de usuários. E também, haverá um processo de codificação no final, e como podemos minimizar o tempo de compressão é outro desafio. E também, Para torná-lo um negócio viável, qual seria o modelo de negócio? Nosso serviço agora é um modelo de assinatura, mas dependendo do jogo ... um jogo poderia ser jogado por 50 horas ou 100 horas, e para alguém jogando um jogo como esse, qual é a vantagem de um serviço de assinatura por mês? -você pode tocar o tipo de modelo? Portanto, em termos de tecnologia e serviços, há vários aspectos que gostaríamos de analisar com a Microsoft no futuro, especialmente em termos de soluções de streaming.

P: Você falou sobre a parceria com a Microsoft, na indústria de jogos, que é um negócio muito importante para você. Quando você olha para o futuro da
indústria de jogos, a importância do negócio dos consoles, qual é a sua perspectiva sobre a importância disso?


R: Enquanto falamos, fornecemos, como eu disse, que o negócio e a experiência imersiva é algo em que gostaríamos de continuar a dar importância. Se você olhar para a indústria do jogo como um todo, o mercado de consoles não é um grande mercado, e sim um nicho de mercado, se você quiser. Mas para os jogadores principais, experiências imersivas são algo que gostaríamos de valorizar. A este respeito, por enquanto, o console como algo que traz funcionalidade de computação para os usuários é muito importante, mas por outro lado, a tecnologia vai progredir, e como eu disse hoje, o Remote Play e PlayStation Now, o serviços de streaming serão trabalhados em paralelo, é o que estamos fazendo neste momento.

Q: Mais cedo você falou sobre imersão e sem costura. Nos últimos anos, a Sony coletou dados, métricas de engajamento do usuário (ARPU) - mas qual é a tendência, é tendência de alta ou em impasse? Nos próximos 3 anos, quando olharmos para o console da próxima geração, o ambiente de nuvem, se levarmos em consideração, quais são os impulsionadores do crescimento? É ARPU? Ou MAU? Ou ambos? Se você pudesse compartilhar conosco as situações recentes e suas perspectivas para os próximos 3 a 5 anos, compartilhe conosco suas perspectivas sobre o potencial de crescimento do negócio de jogos.

R: Obrigado pela sua pergunta sobre o negócio de jogos. Você mencionou o envolvimento do usuário, isso é o mais importante. Existem várias maneiras de medir isso. Na Sony, MAU é algo em que nos concentramos como importante. Os pontos de contato dos usuários e a profundidade de tais contatos são importantes - quanto tempo esse usuário está usando, quanto dinheiro ele está gastando. Profundidade e largura do ponto de contato com o usuário é tão importante. Nos últimos anos, tem aumentado rapidamente. A base de ativos que temos agora é algo que nos é caro. No console da próxima geração, isso permanece inalterado. Nesse sentido, a comunidade de interesse existe até agora, mas gostaríamos de refinar e melhorar a comunidade de interesse, e vamos tomar medidas para melhorar isso. As discussões estão acontecendo dentro do gerenciamento do SIE agora.

Q: Ainda no outro dia você teve uma parceria anunciada com a Microsoft. Quando se trata de colaboração, sua postura como uma empresa inteira, você está ficando mais ativo em termos de colaboração, isso está correto? E, no que diz respeito à tecnologia, conteúdo, expansão do usuário de várias maneiras, acho que você está trabalhando em colaboração, mas em que área você vai se concentrar em relação à expansão dos negócios existentes e à criação de novos negócios?

R: Bem, [não apenas no que diz respeito] à Microsoft, mas para a empresa, eu discuti com o Sr. Katsumoto sentado ao meu lado, gostaríamos de expandir a gama de tecnologia. É certamente nisso que estamos trabalhando, para entretenimento e serviços financeiros. E também gostaríamos de nos concentrar em nossos pontos fortes, e isso é algo que estamos fazendo também. E assim, em torno de nossos pontos fortes, gostaríamos de reunir nossos parceiros. Nós aludimos à IA, e é nisso que você pode pensar em relação a isso. Agora, com relação à parceria com a Microsoft, como já foi anunciado, especialmente para serviços de streaming, vamos colaborar uns com os outros. Então, <inaudível>, é claro que continuaremos a competir, mas quando se trata de soluções de streaming, neste campo a colaboração acontecerá, que também exigirá tecnologia,
 

LOCATELLi

Viciado
2,764
3,609
Rio Grande do Sul
"Se você olhar para a indústria do jogo como um todo, o mercado de consoles não é um grande mercado, e sim um nicho de mercado, se você quiser. Mas para os jogadores principais, experiências imersivas são algo que gostaríamos de valorizar. A este respeito, por enquanto, o console como algo que traz funcionalidade de computação para os usuários é muito importante, mas por outro lado, a tecnologia vai progredir, e como eu disse hoje, o Remote Play e PlayStation Now, o serviços de streaming serão trabalhados em paralelo, é o que estamos fazendo neste momento."

Hum, cheirinho de que a Sony irá se afastar da produção de consoles.

Rapaz, é aquele negócio: ou muda ou vai pro limbo.
 

faelveloso

Viciado
2,264
1,099
entrevista do CEO da sony

Vamos de Google tradutor mesmo, se alguém quiser o original fica aqui o link.
https://www.irwebmeeting.com/sony/fast/20190521/k7a24dmc/strategy2019_02_en/index.html

Em relação à sua colaboração com a Microsoft, qual é o tamanho provável do dinheiro e o tamanho do negócio? Por exemplo, no negócio de jogos, quanto seria responsável pelo tamanho do bolo? Ao concluir esse MoU, provavelmente os números ainda não estão tecnicamente disponíveis, mas em termos de tamanho de negócio, qual é a sua antecipação ou previsão do provável tamanho da operação?

A: Obrigado pela pergunta. Em nossa colaboração com a Microsoft, e o tamanho provável que temos em mente, neste momento, para termos uma discussão mais ampla e profunda, assinamos um MoU. A longo prazo, a tendência de serviços de nuvem e streaming irá amadurecer, mas é muito difícil determinar o cronograma. Temos trabalhado com serviços de streaming nos últimos 5 anos e existem vários aspectos difíceis. A latência da rede para um. Alguns exemplos que eu poderia citar, por exemplo, os meios típicos de minimizar a latência é a colocação de servidores na borda mais perto dos usuários - mas mover os servidores para mais perto de um grupo de usuários pode significar aumentar a latência para outro grupo de usuários. E também, haverá um processo de codificação no final, e como podemos minimizar o tempo de compressão é outro desafio. E também, Para torná-lo um negócio viável, qual seria o modelo de negócio? Nosso serviço agora é um modelo de assinatura, mas dependendo do jogo ... um jogo poderia ser jogado por 50 horas ou 100 horas, e para alguém jogando um jogo como esse, qual é a vantagem de um serviço de assinatura por mês? -você pode tocar o tipo de modelo? Portanto, em termos de tecnologia e serviços, há vários aspectos que gostaríamos de analisar com a Microsoft no futuro, especialmente em termos de soluções de streaming.

P: Você falou sobre a parceria com a Microsoft, na indústria de jogos, que é um negócio muito importante para você. Quando você olha para o futuro da
indústria de jogos, a importância do negócio dos consoles, qual é a sua perspectiva sobre a importância disso?


R: Enquanto falamos, fornecemos, como eu disse, que o negócio e a experiência imersiva é algo em que gostaríamos de continuar a dar importância. Se você olhar para a indústria do jogo como um todo, o mercado de consoles não é um grande mercado, e sim um nicho de mercado, se você quiser. Mas para os jogadores principais, experiências imersivas são algo que gostaríamos de valorizar. A este respeito, por enquanto, o console como algo que traz funcionalidade de computação para os usuários é muito importante, mas por outro lado, a tecnologia vai progredir, e como eu disse hoje, o Remote Play e PlayStation Now, o serviços de streaming serão trabalhados em paralelo, é o que estamos fazendo neste momento.

Q: Mais cedo você falou sobre imersão e sem costura. Nos últimos anos, a Sony coletou dados, métricas de engajamento do usuário (ARPU) - mas qual é a tendência, é tendência de alta ou em impasse? Nos próximos 3 anos, quando olharmos para o console da próxima geração, o ambiente de nuvem, se levarmos em consideração, quais são os impulsionadores do crescimento? É ARPU? Ou MAU? Ou ambos? Se você pudesse compartilhar conosco as situações recentes e suas perspectivas para os próximos 3 a 5 anos, compartilhe conosco suas perspectivas sobre o potencial de crescimento do negócio de jogos.

R: Obrigado pela sua pergunta sobre o negócio de jogos. Você mencionou o envolvimento do usuário, isso é o mais importante. Existem várias maneiras de medir isso. Na Sony, MAU é algo em que nos concentramos como importante. Os pontos de contato dos usuários e a profundidade de tais contatos são importantes - quanto tempo esse usuário está usando, quanto dinheiro ele está gastando. Profundidade e largura do ponto de contato com o usuário é tão importante. Nos últimos anos, tem aumentado rapidamente. A base de ativos que temos agora é algo que nos é caro. No console da próxima geração, isso permanece inalterado. Nesse sentido, a comunidade de interesse existe até agora, mas gostaríamos de refinar e melhorar a comunidade de interesse, e vamos tomar medidas para melhorar isso. As discussões estão acontecendo dentro do gerenciamento do SIE agora.

Q: Ainda no outro dia você teve uma parceria anunciada com a Microsoft. Quando se trata de colaboração, sua postura como uma empresa inteira, você está ficando mais ativo em termos de colaboração, isso está correto? E, no que diz respeito à tecnologia, conteúdo, expansão do usuário de várias maneiras, acho que você está trabalhando em colaboração, mas em que área você vai se concentrar em relação à expansão dos negócios existentes e à criação de novos negócios?

R: Bem, [não apenas no que diz respeito] à Microsoft, mas para a empresa, eu discuti com o Sr. Katsumoto sentado ao meu lado, gostaríamos de expandir a gama de tecnologia. É certamente nisso que estamos trabalhando, para entretenimento e serviços financeiros. E também gostaríamos de nos concentrar em nossos pontos fortes, e isso é algo que estamos fazendo também. E assim, em torno de nossos pontos fortes, gostaríamos de reunir nossos parceiros. Nós aludimos à IA, e é nisso que você pode pensar em relação a isso. Agora, com relação à parceria com a Microsoft, como já foi anunciado, especialmente para serviços de streaming, vamos colaborar uns com os outros. Então, <inaudível>, é claro que continuaremos a competir, mas quando se trata de soluções de streaming, neste campo a colaboração acontecerá, que também exigirá tecnologia,
Eu não Duvidaria nada a Sony mudar seus rumos nessa altura do campeonato. A indústria tá mudando,tem que se adequar.
 
  • Uau
Reações: Maxximu

patrickfb

Viciado
1,392
1,697
Vila Velha - ES
"Se você olhar para a indústria do jogo como um todo, o mercado de consoles não é um grande mercado, e sim um nicho de mercado, se você quiser. Mas para os jogadores principais, experiências imersivas são algo que gostaríamos de valorizar. A este respeito, por enquanto, o console como algo que traz funcionalidade de computação para os usuários é muito importante, mas por outro lado, a tecnologia vai progredir, e como eu disse hoje, o Remote Play e PlayStation Now, o serviços de streaming serão trabalhados em paralelo, é o que estamos fazendo neste momento."

Hum, cheirinho de que a Sony irá se afastar lentamente da produção de consoles.

Rapaz, é aquele negócio: ou muda ou vai pro limbo.
não vejo ela se afastando dos consoles, mas é aquilo, quem acha que console vai continuar sendo a principal fonte ta enganado.
Console hoje ta atrás de PC e Mobile, isso sem contar a disponibilidade de smartv. Seria burrice uma empresa travar suas franquias em um hardware que na maioria das vezes a sua venda não gera lucros, isso sem contar que um erro no inicio pode fazer sua base cair pela metade (ps3 / xbox one) durante uma geração toda, ou ser pior do que a metade, como no wii u que só vendeu 14mi e travou todas as franquias da Nintendo.
 
É o que sempre falo nessa próxima geração a empresa que terá que mais se reinventar é sony, pois no quesito jogos single player com historia ela é a melhor, agora na entrega do resto, multiplayer, etc, ela está bem atrás quando olhamos pra MS.

Pelo amor de Deus não entendam meu comentário com sendo de fanboy.

não vejo ela se afastando dos consoles, mas é aquilo, quem acha que console vai continuar sendo a principal fonte ta enganado.
Console hoje ta atrás de PC e Mobile, isso sem contar a disponibilidade de smartv. Seria burrice uma empresa travar suas franquias em um hardware que na maioria das vezes a sua venda não gera lucros, isso sem contar que um erro no inicio pode fazer sua base cair pela metade (ps3 / xbox one) durante uma geração toda, ou ser pior do que a metade, como no wii u que só vendeu 14mi e travou todas as franquias da Nintendo.
 
  • Curtir
Reações: LLIMA83 e Maxximu

HenriquePerche

Viciado
6,725
6,789
Ribeirão Preto
Se somente lermos o título da notícia sim, mas lendo o conteúdo:

“As vendas de consoles caíram para 8,1 milhões de unidades no trimestre, mas isso cumpriu nossas expectativas para um produto que entra em seu sexto ano”, disse o vice-presidente financeiro da Sony, Hiroki Totoki. Em janeiro, a companhia revelou que o videogame havia atingido a marca de 91,4 milhões de unidades vendidas na história, superando o seu antecessor, o PS3.

Me parece que tá tudo bem
 
  • Curtir
Reações: fblipe

Maxximu

Casual
3,448
2,530
Se somente lermos o título da notícia sim, mas lendo o conteúdo:

“As vendas de consoles caíram para 8,1 milhões de unidades no trimestre, mas isso cumpriu nossas expectativas para um produto que entra em seu sexto ano”, disse o vice-presidente financeiro da Sony, Hiroki Totoki. Em janeiro, a companhia revelou que o videogame havia atingido a marca de 91,4 milhões de unidades vendidas na história, superando o seu antecessor, o PS3.

Me parece que tá tudo bem
Não olhe para o PS4, mas para a divisão Playstation " lucro da divisão de games encolheu 14% "

"Ainda assim, o lucro da divisão de videogames caiu 14% no trimestre, uma vez que a popularidade de títulos como Marvel’s Spider-Man não conseguiu compensar a queda nas vendas de PS4. "

Em tempo: Não acho que o console vai acabar, nem nada desse tipo. Só que estão pensando com os bolsos.
 
  • Curtir
Reações: HenriquePerche
Se somente lermos o título da notícia sim, mas lendo o conteúdo:

“As vendas de consoles caíram para 8,1 milhões de unidades no trimestre, mas isso cumpriu nossas expectativas para um produto que entra em seu sexto ano”, disse o vice-presidente financeiro da Sony, Hiroki Totoki. Em janeiro, a companhia revelou que o videogame havia atingido a marca de 91,4 milhões de unidades vendidas na história, superando o seu antecessor, o PS3.

Me parece que tá tudo bem
Na atual geração está mesmo, mais como disse "na próxima geração, ela é a que mais tem que se inventar", tanto que ela já fez a parceria pra usar o azure etc, pois se ela achar que vai ficar somente e focada em games single player com historia pode ficar pra trás. A MS em serviços manda bem no quesito serviços, rede etc e ela está atrás dos seus novos jogos single players com historia e a nintendo nem precisamos falar , pois sempre inventa um modo de conquistar o mundo todo e sempre consegue.
 
  • Curtir
Reações: HenriquePerche
Status
Este tópico está fechado para novas postagens.