Resumo Resumo da Semana Xbox #53 - 8 a 12 de julho

ronabs

Opa
Moderador
11,711
22,366
Porto Alegre
Ueba. Chegando ao fim de mais uma semana do nosso mundo Xbox, mais coisas que aconteceram e talvez um ou outro não tenha visto tudo, então, a gente faz um compilado legal de algumas notícias e informações que vale a pena ficar sabendo pra poder falar bem da marca com propriedade. Tivemos novos jogos chegando ao Xbox Game Pass, um update do sistema do Xbox One que trouxe melhorias inclusive pro Xbox Game Pass, Psychonauts 2 sendo adiado pra 2020 (isso é old news mas um monte de gente divulgou então acho que vale a lembrança), previews da expansão Iceborne de Monster Hunter: World, um tópico legal de um usuário do PXB sobre jogos de estratégia/stealth, a primeira Microsoft Store da Europa, Cuphead virando série da Netflix, uma nova patente de controle de Xbox para dispositivos móveis, Free Play Days de Rocket League, os Deals with Gold com vários jogos de plataforma em oferta, os lançamentos da semana e da próxima e alguns links pra dar uma zapeada no trabalho ou em casa mesmo.

BLAZING CHROME, DEAD RISING 4 E MAIS JOGOS NO GAME PASS

Nesta semana, foram adicionados cinco novos jogos ao Xbox Game Pass, sendo três para console e quatro para PC. Para os usuários de Xbox One, os destaques vão para Blazing Chrome (lançamento, console/PC), um jogo brasileiro que emana os antigos Contra, apostando na dificuldade e no bullet hell puxando a nostalgia de quando a gente detonava controles pra passar pelas fases; Dead Rising 4 (console/PC) é a continuação da franquia clássica de detonar zumbis, contando com o retorno de Frank West, protagonista do primeiro jogo e que fez participações especiais nos DLCs do segundo. E, por último, Lego City Undercover (console), é Lego, é divertidinho pra passar o tempo e pra jogar com a criançada.

Já no PC, outras duas adições são bem legais, ambas estavam na minha wishlist e vou jogar graças à Microsoft. Timespinner (PC) é um metroidvania 2D bem bonitinho, que utiliza mecânicas de controle do tempo - quem assina o Game Pass/PC ou Game Pass/Ultimate pode baixar Timespinner no Xbox One também; e Unavowed (PC) é um jogo do gênero point and click, onde precisamos investigar ameaças sobrenaturais. Até onde vi, Timespinner tem suporte a conquistas na Xbox Live, Unavowed não tem - sobre Unavowed, está rolando um problema e o jogo não está disponível ainda, a equipe está investigando o motivo. Aproveitando o espaço, já foi, mas Aftercharge e Warhammer Vermintide 2 foram removidos nesta semana, e a inXile confirmou o lançamento de The Bard's Tale IV: Director's Cut para 27 de agosto, no Game Pass direto. Pra conferir as listas completas de jogos disponíveis no Game Pass, é só acessar os tópicos dedicados ao serviço: Game Pass/console e Game Pass/PC.

UPDATE DE JULHO TRAZ MELHORIAS PARA O XBOX GAME PASS

Posso estar falando bobagem porque não acompanhei a geração Xbox, mas desde o Xbox 360, é constante o trabalho da Microsoft em atualizar constantemente o sistema de seus consoles, incluindo melhorias de desempenho, mudanças com base na utilização e solicitação dos usuários, fazendo com que um console Xbox One comprado em 2015 seja bem diferente de um em 2017, por exemplo. O update geral mais recente já estava sendo testado há alguns meses por usuários Insiders e, agora, todos podem aproveitar.

Uma das funcionalidades mais legais foi para o Game Pass, e se chama "Play later": com ela, é possível criar uma lista de jogos do catálogo do serviço pra se jogar no futuro, algo fundamental já que é bem fácil se perder com os vários títulos adicionados todo mês, totalizando 248 títulos disponíveis no console e 114 no Windows 10. Haja memória pra guardar tudo o que se quer experimentar, então, vale marcar o jogo e deixar lá como se fosse uma playlist. Agora, só falta um botão "shuffle" pra abrir qualquer coisa quando a gente está indeciso.
Fonte: Major Nelson

PSYCHONAUTS 2, NOVO JOGO DA DOUBLE FINE, FICA PARA 2020

Esse aqui pensei que já era conhecimento comum, a Microsoft até postou que Psychonauts 2 tinha ficado para 2020 no post onde eles descreveram os jogos anunciados na E3 2019. Talvez ninguém tenha dado bola na época, porque um monte de sites começaram a postar sobre isso essa semana como se fosse novidade, depois da Double Fine publicar uma atualização do desenvolvimento do jogo no Fig, a plataforma de financiamento coletivo onde a empresa levantou uma grana. Mas, já que está em evidência e esta foi mais uma semana que não aconteceu tanta coisa, vamos lá: mesmo com a aquisição pela Microsoft, nada vai mudar, o jogo vai continuar saindo em todas as plataformas prometidas, destacando que o objetivo agora é o lançamento em 2020. Segundo eles, é sabido que uma notícia assim gera um pouco de desapontamento nos fãs, que terão que esperar mais, mas, como boa parte do público de Psychonauts, todos querem que o jogo seja o melhor possível, e que isso leve o tempo que for necessário.

Esse tempo extra é algo que estamos vendo com frequência nos jogos da Xbox Game Studios, Halo Infinite está tendo mais tempo, Forza Motorsport "8" também, Ori and the Will of the Wisps, Psychonauts 2 agora, talvez Battletoads, é um movimento que a Microsoft começou a tomar depois de ser bastante criticada por fazer o contrário, lançar jogos com problemas de otimização ou conteúdo. Crackdown 3, Sea of Thieves e State of Decay 2 sofreram com isso no lançamento, o Phil Spencer já deu entrevistas comentando sobre o quanto os jogos 1st party são importantes para o console e tal. Particularmente, prefiro essa abordagem de adiar e arredondar do que entregar de qualquer jeito pra cumprir meta.
Fonte: Fig

EXPANSÃO ICEBORNE DE MONSTER HUNTER: WORLD PARECE MAIS UMA SEQUÊNCIA

Monster Hunter: World chegou ano passado como uma aposta da Capcom de popularizar a franquia no Ocidente e, principalmente, nos consoles. Seguindo a boa fase da Capcom, que tem lançado jogos AAA bem recebidos atualmente, o jogo foi não só um sucesso de crítica e vendas, tornando-se o jogo mais vendido de toda a franquia com larga vantagem (12 milhões de cópias até dezembro de 2018), como também o jogo mais vendido da história da Capcom (o segundo lugar é de Resident Evil 5, com 7.4 milhões). Conquistando jogadores ao redor do mundo, Iceborne chega para dar ainda mais profundidade e conteúdo para um jogo que já tinha bastante disso.

Li essa análise do Windows Central e gostei do que vi, apesar de Monster Hunter não ser a minha praia, a sensação que eu fiquei é que a expansão parece ser mais voltada àquelas que tínhamos nos anos 90 ou como a CD Projekt RED fez com The Witcher 3, que adicionavam toneladas de conteúdo novo: grandes áreas novas, uma nova base central, novos monstros e pequenas criaturas, ambientes destrutíveis com mecânicas envolvendo o clima, armas para colecionar e desbloquear. É algo meio raro quando empresas fazem isso como DLC e não decidem empacotar como algo novo de $60. Pra quem se interessar, tem mais no link abaixo.
Fonte: Windows Central

JOGOS DE ESTRATÉGIA/STEALTH EM TEMPO REAL ESTÃO RESSURGINDO

Esse aqui foi baseado em um tópico feito pelo usuário @tavo08tom, que foi bem feliz nas indicações de alguns jogos de estratégia que estão retornando ao mercado, gerando meio que um ressurgimento do gênero para o grande público, e tocou o coraçãozinho de bastante gente também. Nos anos 90, muitos dos maiores jogos eram os RTS (real time strategy) ou TBS (turn based strategy), mas com o avançar dos anos e a evolução dos jogos 3D, o foco da indústria se voltou bem mais a jogos de ação e aventura. Isto não fez esses jogos de estratégia desaparecerem, mas ficaram mais restritos a um público cativo, mas de nicho, que nem se compara a um jogo AAA tradicional na maioria das vezes.

Só que isso vem mudando, e uma barreira que estes jogos estão conseguindo transpor atualmente é a da limitação de estarem disponíveis somente no PC. Cada vez mais, os consoles têm recebido jogos com essa pegada, a Microsoft tem em Halo Wars sua série first-party, Wasteland 2 e o futuro 3 que agora também é de um estúdio interno, Shadow Tactics: Blades of the Shogun que já foi lançado e recebeu bastante elogios, além de outros títulos que estão retornando e que foram listados, como Commandos 2 HD (a ideia é fazer um novo mais pra frente), Desperados III (feito pela mesma galera de Shadow Tactics). É um gênero que eu joguei bastante quando era menor mas que foi perdendo espaço ao longo dos anos. Esse tópico me motivou até a jogar um jogo desse gênero aí agora, então, pra mim, já valeu a pena.
Fonte: PXB

MICROSOFT INAUGURA SUA PRIMEIRA MICROSOFT STORE NA EUROPA, COM DESTAQUE PARA XBOX

Por muitos anos, aberturas pomposas de lojas ao redor do mundo ficaram mais em evidência no caso da Apple, capaz de formar filas gigantes em qualquer canto do planeta onde eles abrissem a sua lojinha. Pois a Microsoft também entrou na onda e inaugurou, nesta semana, a primeira Microsoft Store da Europa em Londres, uma loja com mais de 2 mil m² dedicados a produtos e serviços da empresa, como laptops Surface, PCs, Office, Hololens e também nossos amados e queridos videogames, com xbox e xCloud presentes. Lá, é possível testar jogos que ainda nem foram lançados, como Battletoads, e também testar o Project xCloud, serviço de streaming que já está em fase de testes e deve chegar ao mercado oficialmente nos próximos anos.

Abrir lojas como essa demonstra a vontade da empresa de se aproximar de seu público, criando uma experiência imersiva com produtos e serviços da marca, e mostra também o compromisso da Microsoft com o Reino Unido, local onde a empresa emprega mais de 5 mil pessoas atualmente e que, no campo de videogames, representa um dos principais mercados globais da marca Xbox. Não sei qual o plano de expansão desse modelo de negócios, mas adoraria ver uma dessas chegando ao Brasil, já que a marca Xbox também é bem forte aqui.
Fonte: The Guardian

CUPHEAD VAI VIRAR SÉRIE EM PARCERIA COM A NETFLIX

Essa aqui não tem tanto a ver com videogame mas acho que vale trazer ela para os destaques, porque se trata de um dos jogos mais bem avaliados desta geração, um dos mais desafiadores, um dos mais lindos artisticamente (tanto na parte gráfica quanto de som), que já vendeu mais de 4 milhões de cópias no Xbox One, PC e Switch. Studio MDHR e Netflix vão unir forças para levar Cuphead às telas de TV em uma série animada que contará uma história diferente do jogo, com um toque de humor que possa conquistar tanto crianças e jovens como também os adultos. Assim como o jogo, a série vai seguir o mesmo estilo artístico característico, um dos grandes diferenciais de Cuphead, mas sem ser feito tudo à mão, já que ficaria demorado e caro demais. Essa série também não será feita pelo Studio MDHR, mas por um estúdio de animação interno da Netflix. Ainda sem previsão de lançamento, é algo para ficarmos de olho, já que fortalece ainda mais esse querido jogo.
Fonte: IGN

MICROSOFT REGISTRA PATENTE DE CONTROLE PARA DISPOSITIVOS MÓVEIS

Há algum tempo, no fim do ano passado, começaram a pipocar na internet mockups de controles especiais de Xbox dedicados a plataformas móveis, especiais para serem utilizados junto a tablets e smartphones. Nesta semana, descobriram que a Microsoft registrou uma patente para este tipo de controle, muito parecida com os mockups que estavam circulando (vide imagem). O sucesso do Switch mostrou que o mercado mobile "hardcore" ainda existe, e o xCloud vai se propor a expandir a marca Xbox para o mercado mobile "civil", levando a experiência do console (com concessões), junto com um modelo de controle adaptado para controlar direito os jogos. Registrar uma patente não significa que irá virar um produto no futuro, nem que vai ser lançado junto com o xCloud, mas mostra que a Microsoft está atenta ao mercado para oferecer uma solução própria, para quem queira se envolver ainda mais com o ecossistema Xbox, e parece muito melhor do que parear um controle de Xbox One normal ou usar o touchscreen pra controlar as coisas - apesar da Microsoft também estar trabalhando nisso, com experiências bem desenvolvidas já.
Fonte: The Verge

FREE PLAY DAYS DE ROCKET LEAGUE ATÉ 16/JUL

Em comemoração aos quatro anos de uma das grandes sensações desta geração, assinantes Xbox Live Gold poderão jogar Rocket League gratuitamente até esta terça-feira, 16 de julho, às 3h59min. Pra baixar, é só clicar aqui e mandar instalar no console, ou ir na aba Gold do console e fazer o download. São diversos modos single-player, cooperativos e competitivos de 1x1, 2x2, 3x3 ou 4x4, online ou com um amigo em tela dividida, com partidas de variantes de futebol, basquete, hóquei no gelo. Além disso, está rolando um evento especial baseado nos anos 80, chamado Radical Summer, que deixa o jogo com um ar nostálgico.
Fonte: Xbox News

DEALS WITH GOLD COM PLATFORM PARADISE SALE

Nesta semana, o Deals with Gold traz alguns jogos bem legais pra galera, com ofertas temáticas em dose dupla. Primeiro, temos a Platform Paradise Sale, com uma seleção especial de títulos de plataforma de renome, como A Hat in Time, Celeste, Guacamelee! 2 Complete, Hue, Owlboy, Rogue Legacy, Shovel Knight: Treasure Trove, Yoky's Island Express e Yooka-Laylee. Depois, temos também a Free to Play Sale, composta por jogos em suas versões grandonas ou complementos para títulos como Defiance 2050, Neverwinter, Paladins, Pinball FX3, Smite, Star Trek Online, Tera, entre outros. E tem também A Plague Tale: Innocence, um jogo que não é nem de plataforma nem gratuito mas que ganhou bastante destaque recentemente, parece ser uma das boas surpresas de 2019; e também The Talos Principle, um dos grandes jogos de puzzle que tem por aí. Acesse o tópico das promoções e boas compras.

LANÇAMENTOS DESTA SEMANA (8 A 12 DE JULHO)

LANÇAMENTOS DA PRÓXIMA SEMANA (15 A 19 DE JULHO)
Segunda-feira (15)
Terça-feira (16)
  • Exception - Sem página na Store ainda
  • Initial2: New Stage (Restory Studio/E-Home Entertainment Development Co., LTD) - R$ 74,95 (Xbox One X Enhanced)
Quarta-feira (17)
  • Mochi Mochi Boy - Sem página na Store ainda
Quinta-feira (18)
  • Etherborn (Altered Matter) - Sem preço na Store ainda
  • Growtopia - Sem página na Store ainda
  • Welcome to Hanwell (Steel Arts Software) - R$ 54,95

LINKS INTERESSANTES
  • A história da Devolver Digital - Depois de começar como publisher de remakes e remasters, como os do FPS Serious Sam, a Devolver começou a criar parcerias para jogos inéditos de pequenos estúdios, até se tornar hoje um dos principais selos do mercado independente, encontrando jogos com algo único em estúdios pequenos e dando a eles os holofotes. | YouTube IGN Brasil
  • Análise de Blazing Chrome - Blazing Chrome é brasileiro, lança direto no Game Pass e emula o sentimento que a gente que é mais velho tinha jogando Contra. Que combo, hein? Visualmente impressionante e mais misericordioso do que as séries que o inspiram, Blazing Chrome agrada o saudosista, mas também pode ser uma porta de entrada pra estéticas mais pesadas. | YouTube Nautilus
  • Análise de Sea of Solitude - Quando surge um jogo como Sea of Solitude, é preciso algum cuidado, já que ele aborda temas que podem ser considerados difíceis pra muita gente. E, assim como os problemas difíceis que vem e vão, que tem seus altos e baixos, Sea of Solitude tem a mesma inconstância. | YouTube Nautilus
  • Assista a 12 minutos de Moons of Madness - Não conhecia este jogo, vi no Arena Xbox e decidi trazer pra cá porque a única postagem sobre ele foi feita pelo @HelderSR lá em agosto de 2017 no tópico dos jogos pouco conhecidos que estão chegando ao Xbox. Basicamente, é um jogo de horror/suspense em uma estação espacial em Marte, que utilizará a exploração de elementos do cenário para aumentar a imersão. Parece bem legal. | Arena Xbox
  • Call of Duty: Modern Warfare revela novo modo multiplayer 2v2 - Com o objetivo de modernizar Modern Warfare para os dias atuais, com uma campanha que faça sentido atualmente, a gente sabe que o que mais chama a atenção e prende a galera em COD são os modos multiplayer. Em Call of Duty: Modern Warfare (não confundir com Call of Duty 4: Modern Warfare, porque as empresas ligaram o foda-se na hora de nomear os jogos há bastante tempo), foi apresentado um novo modo 2x2 chamado Gunfight, com duas duplas em pequenos mapas e equipamentos iguais para todos, mudando a cada rodada. As partidas são bem rápidas, 40 segundos, piscou, perdeu, e se ninguém for morto nesse tempo, ele se estende e surge uma bandeira no mapa, que dá alguns pontos. Quem chegar a 6 pontos primeiro, ganha. Parece legal. | Xbox Power
  • Greedfall chega em 10 de setembro de 2019 - Esse acho que pouca gente conhece, mas é o novo RPG dos caras que fizeram Technomancer, com um estilo artístico único baseado na arte barroca do século XVII. Chega para PC, PS4 e Xbox One em 10 de setembro de 2019 (mesmo dia de Gears 5). | YouTube Focus Home Interactive
  • Halo Outpost Discovery ORLANDO - A Halo Outpost Discovery é uma experiência imersiva em Halo que está rolando em algumas cidades dos Estados Unidos, com jogos e tudo o que engloba o universo da franquia, inclusive com uma mostra, um mini museu, é bem legal. | YouTube Greenskull
  • How developers build the tutorials you skip - Nós que jogamos há bastante tempo acumulamos um certo conhecimento, baseado em convenções que já aprendemos com outros jogos: A geralmente pula, RT atira, os direcionais digitais trocam de arma/item, etc. Mas nem todo mundo sabe isso, aí os devs vão lá e criam tutoriais - alguns deles, muito úteis até pra gente, por ensinarem mecânicas importantes para a jogatina. E a gente vai lá e pula eles! Mesmo assim, tem um penso por trás de tudo isso, e nesse artigo, os próprios desenvolvedores explicam como eles constroem estes momentos de aprendizado e familiarização com as mecânicas do seu jogo. | PC Gamer
  • Jogaecast com Recomendamos #8 - Gosto bastante desse tipo de programa, que recomenda jogos, porque alguns a gente até consegue acompanhar mas nem todos a fundo, quando muito, vemos uma coisa ou outra e fica ali no limbo. Então, temos mais alguns jogos que saíram recentemente e valem a pena uma testada. | Jogae.TV
  • Jogando Papo nº 122: O que faz um jogo vender? - Em uma geração que tem sua dose de tradicionalismo mas também de surpresas, é legal olhar para a lista dos jogos mais vendidos e entender o porquê deles chegarem onde estão, o que faz um jogo ser sucesso de vendas. Quem quiser ver em vídeo, o link tá aqui, e quem quiser comentar no tópico do programa aqui no PXB, o clique é aqui | Jogando Papo
  • Metal Wolf Chaos chega ao Xbox One em 6 de agosto - Mechas, Presidente dos EUA vs. vice-Presidente dos EUA, acho que não precisa de muita coisa mais. O jogo é um remaster do original, lançado exclusivamente pela From Software no Xbox em 2004, e será lançado no dia 6 de agosto. | Xbox News
  • No Man's Sky's Sean Murray explains why it's best for Anthem and Fallout 76's developers to stay silent after launch - Jogos com lançamentos problemáticos são cada vez mais comuns, e se tem alguém que entende de lançamento problemático, esse alguém é Sean Murray, da Hello Games. No Man's Sky foi um desastre em seu lançamento (do ponto de vista do jogo em si), o que levou o estúdio a tempos difíceis de muito trabalho e silêncio, sem falar com a imprensa e a comunidade. Para ele, essa é uma abordagem melhor do que criar posts de blogs explicando coisas que não tenham aderência com a comunidade. O melhor é baixar a cabeça e efetivamente trabalhar em cima do jogo, que foi o que eles fizeram - depois disso, No Man's Sky passou até a ser bem avaliado pelos jogadores. | gamesradar+
  • Take-Two apresenta novo FPS de um dos criadores de Halo - Em agosto tem Gamescom e, como já aconteceu com a E3, as empresas parecem não querer esperar até lá pra mostrar coisa nova. Disintegration é o novo FPS do estúdio independente V1 Interactive, que conta em seu quadro com Marcus Lehto, diretor de arte e um dos co-criadores de Halo: Combat Evolved e de outros vários jogos da série Halo (ele trabalhou na Bungie de 1997 até 2012). Mais informações na Gamescom. | YouTube V1 Interactive

.
.
.

E era isso, povo. Gostei de ver um jogo brasileiro lançando direto no Game Pass, vou tentar achar um tempo pra jogar Blazing Chrome amanhã ou domingo. A notícia da Microsoft Store também é legal, tanto pela parte que mexe com a gente (Xbox, xCloud) como por ver a loja indo a outro continente, difícil imaginar algo assim no Brasil num futuro próximo, mas vai que, né. E, aproveitando que falei de Psychonauts 2, fica a dica: joguem o primeiro Psychonauts, ainda é um jogo bem bom hoje em dia, tá na retro do Xbox One (R$ 49,00 na Live) mas, por ser antigo, roda em praticamente todo PC atual, aí no Steam tá mais barato (R$ 19,99). Um bom fim de semana pra todos e até a próxima!

 

RAYMON

XBOX MVP
Administrador
9,606
14,180
São Paulo
Grata surpresa essa série do Cuphead, pena que é pela Netflix, que não costuma entregar muita qualidade...

E tomara que esse controle Transformer vingue, botões virtuais na tela são terriveis, e algo mais compacto e compatível com tudo seria essencial pra uma boa experiência. Só precisa de um tapa no design.
 
  • Curtir
Reações: CaioNF