[TVs 2017] Melhores modelos com telas 4k e HDR

Discussão em 'ALTA DEFINIÇÃO' iniciado por Marcus_007, Agosto 4, 2016.

  1. Seja bem-vindo ao PXB, a melhor comunidade brasileira de Xbox! Fique à vontade para ler e comentar todo o nosso conteúdo. E claro, se gostar, faça o seu cadastro e junte-se a nós!
  1. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    #1 Marcus_007, Agosto 4, 2016
    Última edição: Novembro 24, 2017
    Como eu prometi na seção do PS4 resolvi fazer um apanhado dos melhores modelos disponíveis de TV este ano. Entretanto esta não será uma lista extensa e exaustiva enumerando e qualificando todas as TVs atualmente, pelo contrário, as TVs aqui citadas obrigatoriamente devem ter sido lançadas em 2017, ter tela de 4K e HDR. Ou seja, são todas TVs focadas para extrair o máximo possível dos dispositivos que exibem este recurso, sejam eles videogames (PS4, PRO, XB1 S, XB1 X), PCs, blurays UHD ou apps de streaming. Também deixei fora da lista deste ano os modelos superiores a 10 mil reais e adicionei modelos de entrada além dos usuais topo de linha . Na primeira parte estão os 10 melhores modelos este ano. Após o top 10 existe um extenso FAQ com as principais dúvidas dos usuários, como a diferença de LED, OLED e IPS, o que é Input Lag e porque gamers devem preferir uma TV com lag baixo, qual a diferença entre uma TV com certificado HDR Premium (real, de verdade) e uma TV com HDR "genérico" (tabajara, falso). Por fim tem um log com todas as atualizações pontuais que fiz no tópico desde o início.

    [ATUALIZAÇÃO 21/NOV/2017]
    Nova reformulação da lista geral das melhores TVs 4k e HDR de 2017. Eu resumi os 10 quesitos antigos em apenas 4 para facilitar o entendimento e escolha, retirei parte das denominações mais técnicas e adicionei 3 principais pontos fortes e fracos de cada modelo. Também retirei os modelos remanescentes de 2016 pois a B6 está no mesmo valor da B7 e a KS praticamente não se encontra mais. Os novos quesitos são estes abaixo, e a nota final consiste em 50% de qualidade de imagem e 50% os 3 quesitos restantes somados.

    Qualidade da imagem (processamento, contraste, movimento, uniformidade)
    HDR (brilho, controle de luminosidade)
    Cor (saturação, volume, gradiente)
    Recursos Extras (OS, apps, inputs, som)

    Enjoy :D

    ***

    Melhores modelos de 2017 com telas 4k e HDR para jogos, filmes e seriados

    1) LG OLED B7 55" (a partir de R$ 7,5~8,5 mil)
    [​IMG]
    Painel
    : 120Hz
    Tipo: OLED
    HDR: HDR-10 e Dolby Vision
    Input Lag: 21ms (modo "Game") - Excelente
    OS: WebOS 3.5

    Pontuação final: 90
    ..98 - Qualidade da imagem
    ..83 - HDR
    ..87 - Cor
    ..75 - Recursos Extras

    :grinning: Imagem comum possui qualidade HDR
    :grinning: Contraste infinito e tom preto perfeito
    :grinning: Excelente imagens em movimento (zero judder, stutter etc)
    :skull: ABL (queda do pico de brilho da tela quando muita cor branca é exibida)
    :skull: Imagens estáticas por longos períodos (10h ou +) podem marcar a tela temporariamente
    :skull: "Black crush" em tons muito próximos do preto em certas cenas de filmes/seriados


    2) Samsung Q7F 55" 65" (a partir de R$ 6~7,5 mil)
    [​IMG]
    Painel: 120Hz
    Tipo: LED VA com Edge-lit Local Dimming
    HDR: HDR-10
    Input Lag: 24ms (modo "Game") - Bom
    OS: Tizen

    Pontuação final: 77
    ..78 - Qualidade da imagem
    ..62 - HDR
    ..87 - Cor
    ..80 - Recursos Extras

    :grinning: Cores com qualidade de OLEDs
    :grinning: Qualidade de imagem acima da média
    :grinning: One connect box para todas as suas conexões
    :skull: Controle de luminosidade poderia ser melhor (local dimming)
    :skull: Ângulo de visão lateral pequeno
    :skull: Stutter (micropausas) e blooming leve em certos conteúdos


    3) Sony X905E 55" 65" 75" (a partir de R$ 5~6 mil)
    [​IMG]
    Painel: 120Hz
    Tipo: LED VA com Full Array Local Dimming, ou FALD (48 áreas distintas)
    HDR: HDR-10
    Input Lag: 34ms (modo "Game") - Bom
    OS: Android TV

    Pontuação final: 76
    ..80 - Qualidade da imagem
    ..62 - HDR
    ..81 - Cor
    ..75 - Recursos Extras

    :grinning: Excelente qualidade de imagem
    :grinning: Painel FALD com bom controle de luminosidade (local dimming)
    :grinning: Excelente imagens em movimento (zero judder, stutter etc)
    :skull: HDR só é ativado no HDMI 2 e 3 (e quem usa ARC utiliza o HDMI 3)
    :skull: Ângulo de visão lateral pequeno
    :skull: Blooming leve em certos conteúdos


    *** As TVs 4k abaixo não possuem HDR Premium ou "de verdade", mas ainda produzirão diferenças entre imagens HDR e imagens comuns (SDR) ***

    Comparação lado a lado dos modelos intermediários e de entrada para melhor visualização (parabéns ao @Cap Holandes@Cap Holandes pela fantástica contribuição)
    [​IMG]


    4) Panasonic EX750B 58" 65" (a partir de R$ 4,3~5,5 mil)
    [​IMG]
    Painel: 120Hz
    Tipo: LED VA com Direct Light Local Dimming
    HDR: HDR-10
    Input Lag: 21ms (modo "Game") - Excelente
    OS: Firefox OS 3.0

    Pontuação final: 70
    ..74 - Qualidade da imagem
    ..55 - HDR
    ..81 - Cor
    ..65 - Recursos Extras

    :grinning: Cores e qualidade de imagem acima da média
    :grinning: HDR bem melhor que dos modelos de entrada
    :grinning: Tom preto decente
    :skull: Blooming leve em certos conteúdos
    :skull: Ângulo de visão lateral pequeno
    :skull: Pouquíssima opção de apps

    Esta TV não suporta oficialmente HDR por não conseguir alcançar o pico de brilho exigido (1000nits), entretanto características particulares do painel, como padrões de cores mais abrangentes, excelentes tons pretos e contraste maior por causa do chip HCX 2 da Panasonic, fazem com que ela, mesmo não reproduzindo HDR "oficialmente", consiga exibir imagens com cores bem mais intensas que outros modelos de TV SDR e até mesmo algumas HDR. Seria algo como um "meio HDR" - bem melhor que TVs sem o recurso mas abaixo do que a KS, Q7F e X905E conseguem fazer. O HDR dela em cenas escuras/noturnas consegue até mesmo se equiparar à KS7000 e Q7F que possuem mais do dobro do brilho, mas ela não bate a Sony X905E nesse quesito. Já o HDR em cenas claras/diurnas não chega nem perto do da KS7000, da Q7F ou mesmo o da X905E. Mas note que isso não é característica de qualquer TV com HDR "tabajara", a Panasonic EX750 é exceção da exceção, e seus pares mais baratos (como LG UJ7500, Samsung MU 6300 ou Panasonic DX650) não conseguem atingir a mesma façanha.


    5) Samsung MU7000 55" 65" 75" 82" (a partir de R$ 4,5~5,5 mil)
    [​IMG]
    Painel: 120Hz
    Tipo: LED VA com Edge-lit Local Dimming
    HDR: HDR-10
    Input Lag: 24ms (modo "Game") - Bom
    OS: Tizen

    Pontuação final: 69
    ..70 - Qualidade da imagem
    ..52 - HDR
    ..77 - Cor
    ..75 - Recursos Extras

    :grinning: Qualidade de imagem acima de TVs de entrada
    :grinning: HDR bem melhor que dos modelos de entrada
    :grinning: One connect box para todas as suas conexões
    :skull: Cores abaixo da média para uma TV dessa categoria
    :skull: Ângulo de visão lateral pequeno
    :skull: Stutter (micropausas) e blooming leve em certos conteúdos


    6) LG SJ9500 55" 65" (a partir de R$ 4,9~6 mil)
    [​IMG]
    Painel
    : 120Hz
    Tipo: IPS com Edge-lit Local Dimming
    HDR: HDR-10 e Dolby Vision
    Input Lag: 15ms (modo "Game") - Excelente
    OS: WebOS 3.5

    Pontuação final: 64
    ..60 - Qualidade da imagem
    ..45 - HDR
    ..84 - Cor
    ..75 - Recursos Extras

    :grinning: Cores de TVs topo de linha
    :grinning: Excelente imagens em movimento (zero judder, stutter etc)
    :grinning: Ângulo de visão lateral grande
    :skull: IPS Glow - no escuro ou ambiente mal iluminado a cor preta fica acinzentada
    :skull: Contraste e controle de luminosidade ruins (local dimming)
    :skull: DSE (dirty screen effect) leve

    Estas TVs não são aconselhadas para ambientes escuros por causa do IPS Glow próprio desse tipo de painel. Se for assisti-las em período noturno o ideal é que as luzes da sala/quarto estejam acesas ou ao menos alguma luz indireta como luz spot, abajur etc estejam próximos da TV. Caso contrário fica bem evidente o esbranquiçamento dos tons pretos em cenas escuras/noturnas, além de possíveis bolsões de brilho ao longo de todo o painel. Em ambientes claros elas tem boa performance. Também tenha em mente que telas IPS possuem baixíssimo contraste, por isso quando colocadas lado a lado com telas LED (como as Samsungs MU) a imagem das IPS tem aparência levemente mais borrada. Esse efeito é piorado caso a IPS possua pixel branco (presente em todas as IPS da LG exceto na SJ9500)


    7) Samsung MU6300 (curva) ou MU6400 (plana) 49" 55" 65" (a partir de R$ 2,6~3,8 mil)
    [​IMG]

    Painel
    : 60Hz
    Tipo: LED VA com Direct Light
    HDR: HDR-10
    Input Lag: 20ms (modo "Game") - Excelente
    OS: Tizen

    Pontuação final: 62
    ..62 - Qualidade da imagem
    ..43 - HDR
    ..69 - Cor
    ..73 - Recursos Extras

    :grinning: Qualidade de imagem acima da média para uma TV de entrada
    :grinning: Contraste e uniformidade de tela excelentes
    :grinning: Input lag excelente
    :skull: Cores poderiam ser melhores
    :skull: Ângulo de visão lateral pequeno e DSE (dirty screen effect) mediano
    :skull: Possui "judder" (micro-pausas) em filmes/seriados quando se faz uma panorâmica (movimentar a câmera sem cortes de cima para baixo ou esquerda para a direita)


    8) Samsung MU6100 40" 43" 49" 50" 55" 65" (a partir de R$ 1,8~3,0 mil)
    [​IMG]
    Painel
    : 60Hz
    Tipo: LED VA com Direct Light
    HDR: HDR-10
    Input Lag: 20ms (modo "Game") - Excelente
    OS: Tizen

    Pontuação final: 61
    ..60 - Qualidade da imagem
    ..41 - HDR
    ..69 - Cor
    ..73 - Recursos Extras

    :grinning: Qualidade de imagem acima da média para uma TV de entrada
    :grinning: Contraste e uniformidade de tela excelentes
    :grinning: Input lag excelente
    :skull: Cores poderiam ser melhores
    :skull: Ângulo de visão lateral pequeno e DSE (dirty screen effect) mediano
    :skull: Possui "judder" (micro-pausas) em filmes/seriados quando se faz uma panorâmica (movimentar a câmera sem cortes de cima para baixo ou esquerda para a direita)


    9) LG SJ8000 49" 55" 65" (a partir de R$ 3,2~4,5 mil)
    [​IMG]

    Painel
    : 120Hz
    Tipo: IPS com Edge-lit
    HDR: HDR-10 e Dolby Vision
    Input Lag: 12ms (modo "Game") - Excelente
    OS: WebOS 3.5

    Pontuação final: 59
    ..54 - Qualidade da imagem
    ..39 - HDR
    ..78 - Cor
    ..74 - Recursos Extras

    :grinning: Cores melhores do que outros modelos de entrada
    :grinning: Excelente imagens em movimento (zero judder, stutter etc)
    :grinning: Ângulo de visão lateral grande
    :skull: IPS Glow e pixel branco - no escuro ou ambiente mal iluminado a cor preta fica acinzentada
    :skull: Contraste e controle de luminosidade ruins (local dimming)
    :skull: DSE (dirty screen effect) leve


    ***
    O que é HDR?
    HDR ou (Grande Alcance Dinâmico) é um recurso desenvolvido para que dispositivos eletrônicos gerem ou reproduzam imagens que apresentem cores bem mais vivas, com melhores níveis de contraste, brilho mais intenso e os mais densos tons de preto já apresentados numa TV. Em suma, é uma técnica que produz imagem com cores, sombras e brilhos bem mais vivos e vibrantes. Enquanto TVs "normais", ditas SDR (Alcance Dinâmico Padrão), são limitadas por 16 milhões de cores, as com HDR possuem mais de 1 bilhão. Mas antes de entrar em mais detalhes sobre HDR é preciso dizer que não basta a TV ser 4K para ela ter HDR, e além disso, não basta a TV ter HDR para ela mostrar bom conteúdo HDR. Existem exigências mínimas a serem atendidas pelo aparelho para que o recurso possa brilhar de verdade. Se a TV for LED ela deve ter brilho acima de 1000 nits e tons pretos abaixo de 0,05 nits, se for OLED deve ter brilho acima de 500 nits e tons pretos abaixo de 0,0005 nits. Quanto mais distante dessas exigências, pior é o HDR da TV.

    Se você comprou uma TV 4K modelo 2015 é praticamente certo que sua TV não suporta HDR, ou se suportar, é garantido que ela não atende aos requisitos mínimos necessários para uma boa experiência. Em geral, só os modelos mais caros da LG e Samsung em 2015 tiveram esse recurso implementado por software (o HDR de 1º geração), e apesar de não possuírem os padrões exigidos para HDR Premium, ainda produzem uma imagem superior ao SDR. Exemplo: LG OLED EF9500, LG OLED EG9600, Samsung JS9500 e Samsung JS9000. Todos os demais modelos de telas 4K de 2015 ou antes não tem HDR, nem mesmo por software.

    Quais são os benefícios reais do HDR?
    Como falei anteriormente, o HDR permite visualizar uma gama bem maior de cores com destaques a brilhos intensos e pretos bem mais profundos, preservando detalhes em todos os tons médios mesmo com os três elementos presentes na mesma cena. Isto permite uma apresentação mais "verdadeira" da imagem, que mais se aproxima às variações de cor, pequenos detalhes e níveis de sombra que o olho humano é capaz de enxergar. Além disso, filmes em particular, ganham uma maior preservação das cores do material original em comparação com as TVs comuns, onde a compressão de cor reduz enormemente a quantidade de tons diferentes exibidos na tela.

    A utilização de gamas de cores mais elevadas desempenha um papel fundamental no HDR, com o processamento de cor de 10 e 12 bits usado para melhorar a imagem e dar bem mais detalhes. Por exemplo, cores de 10 bits fornece 1024 tonalidades para cada cor primária em comparação com apenas 256 tons para Blu-rays padrão HD, que são criados em cores de 8 bits. Como resultado, a precisão de cores ampliada permite que detalhes mais intrincados sejam mostrado na tela - e não apenas em cenas com alto contraste entre as áreas claras e escuras.

    A este respeito, 4K não se trata de apenas aumentar a densidade de pixels na tela, mas a criação de melhores pixels que replicam de forma mais precisa o material de origem, sejam filmes, shows ou jogos, aproximando-se de forma mais real como vemos o mundo com os nossos próprios olhos. Mesmo o Xbox One S não rodando jogos nativamente em 4K, o uso de HDR e as gamas de cores mais amplas devem fornecer qualidade visual extra para todos os títulos de 1080p que possuam suporte prévio para HDR, e que depois sofrerão upscale para a resolução UHD. Há o potencial para perceber detalhes extras em luzes fortes, efeitos de lens flare, god rays, bloom e em áreas escuras perceber mais detalhes sem que o preto ofusque tudo ao redor. Não se engane, a revolução que o pulo do SD para o Full HD fez com resolução e qualidade geral da imagem, o pulo de SDR para HDR fará pelas cores, brilho, sombras e detalhes. É a inovação mais significativa, aguardada e excitante da última década.

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Existe mais de um tipo de HDR?
    Sim. Neste momento, existem vários padrões de implementação de HDR no mercado competindo para se tornar o padrão definitivo - é a boa e velha guerra de formatos, igual ocorreu com Blu-Ray versus HD-DVD, DVD versus VHS etc. O HDR-10 e o Dolby Vision são os dois principais correntes, com a diferença entre eles sendo a profundidade de cor e brilho máximo. A versão da Dolby é a mais avançada dos dois, mas também requer hardware adicional de processamento integrado à TV. Essencialmente a performance de ambos é muito próxima, com uma pequena vantagem da Dolby Vision nos modelos de TV mais caros (Samsung Série 9000, 8000, 7000, Sony Série 900, 800 etc), entretanto o Dolby Vision produz um resultado bem melhor em modelos de TVs medianos e mais baratos. Toda TV com Dolby Vision automaticamente suporta HDR-10 por padrão, mesmo que a TV não especifique. Entretanto o contrário não ocorre. Se uma TV mencionar que possui HDR e mais nada, é certeza que ela suporta apenas o HDR-10 mas não o Dolby Vision. Já está confirmado que o Xbox One S virá com suporte padrão para HDR-10 mas não para Dolby Vision. E é praticamente garantido que PS Neo e Scorpio utilizem HDR-10, mas Dolby Vision é uma incógnita.

    Então, para garantir o máximo de compatibilidade no futuro faz sentido ir atrás de TVs que apoiem o maior número de formatos possível. Entretanto, no Brasil, apenas as LG OLEDs e IPS possuem suporte a Dolby Vision. Há que se falar também que Samsung, Sony e a maior parte dos estúdios de cinema preferem o HDR-10 por ser um formato aberto, ao contrário do Dolby Vision que exige compra de chips da Dolby e pagamento de royalties. Outro ponto é que a vasta maioria de conteúdo HDR hoje em dia está disponível apenas em HDR-10 (incluindo Blu-rays UHD) e não Dolby Vision. Por causa da força por trás dele, a chance do HDR-10 ganhar a guerra de formato é grande. Mas não desconsidere o Dolby Vision ainda. A Dolby é extremamente influente no meio cinematográfico e já convenceu a Sony Pictures, MGM, Warner Bros. e Universal a lançarem filmes compatíveis com Dolby Vision, o que já deve ocorrer no fim desse ano. E apesar de por enquanto apenas a LG suportar o formato, existe uma boa aposta que Sony e Samsung acabem cedendo e lancem aparelhos com Dolby Vision também. Inclusive já está quase garantido que novas OLEDs da SOny e Philips virão com suporte. Netflix, Hulu e Amazon também confirmaram suporte ao Dolby Vision, além do HDR-10 e já existem séries nesse formato.

    O que é esse tal de HDR "falso" ou "tabajara"?
    É o HDR presente em todas as TVs que não possuem certificado HDR Premium. Sem entrar muito em aspectos técnicos, o HDR "de verdade" (aqueles que possuem o certificado HDR Premium) funciona mais ou menos da seguinte forma, imagine que todas as cores existentes são graduadas de 1 à 100. Então você tem 100 níveis de preto, 100 de azul, 100 de verde e por ai vai. Entretanto, até mesmo por limitações tecnológicas, as TVs "comuns" chamadas de SDR, só exibem as graduações de cores de 30 à 70, então tudo o que for de 1 à 29 e 71 à 100 não é exibido em televisores comuns. Nas TVs c/ HDR "reais" existe a expansão das cores para ter acesso a estas que estão faltando, exibindo assim mais detalhes, nuances, distância entre as cores, aumento de saturação etc. Digamos que essa TV HDR vai de 10 à 90, apenas à título de exemplo. Por outro lado, a TV com HDR "falso" não consegue expandir essas cores, o que ela faz é te dar acesso à outras cores, mas o preço disso é você perder outras no processo. Ou seja, ela move a escala para cima ou para baixo. Então um HDR tabajara pode oferecer cores de 15 à 55 ou de 50 à 90 etc. Sacou a diferença? É por isso que donos de uma TV sem certificado HDR Premium conseguem perceber uma distinção ao ver uma imagem em HDR ou em SDR, essa diferença existe mesmo, mas aquilo não é HDR propriamente dito pois não existe expansão do espaço de cor, apenas uma mudança na escala de cor.

    Já existe conteúdo disponível (jogos, filmes, séries)?
    Atualmente, a principal fonte de HDR são Blu-rays UHD (4k). A maioria dos filmes recentes lançados no novo formato 4k suportam este recurso. Serviços de streaming também estão recebendo conteúdo, embora o catálogo de opções que suporta tanto 4K e HDR seja pequeno. No fim de 2016 mais de 150 horas de conteúdo 4k HDR foi disponibilizado no Netflix, com Bloodline, Daredevil, Jessica Jones e tantos outros. Marco Polo já está disponível no formato mas a implementação não ficou muito boa e tem recebido críticas. O Netflix promete melhores resultados nas conversões futuras de suas séries de 2017 em diante. Mas note que isso não se aplica aos Blu-Rays UHD, com vastos elogios à versão HDR de filmes como The Revenant, The Martian, Life of Pi e Mad Max Fury Road. A Amazon também já possui séries em HDR como American Gods, The Last Tycoon entre outros. Em suma, estamos nos estágios iniciais aqui. Conteúdo HDR começou a chegar em 2016 e só tem aumentado, e espera-se que em 2017 se produza 4x mais mídias HDR que em 2016.

    Jogos com HDR é onde as coisas começam a ficar realmente interessantes, e o Xbox One S, Xbox One X e PS4 já rodam títulos com HDR. No PC é preciso ter uma placa de vídeo série GTX 1000 ou RX 400 para conseguir rodar esses mesmos jogos. Forza Horizon 3, Gears 4, Rise of the Tomb Raider e Deus Ex Mankind Divided já tem suporte a HDR. Mais jogos entrarão na lista e vários estúdios (Naughty Dog, CD Projekt, Rockstar, EA, Square Enix e outras...) já demonstraram intenção de implementar HDR em seus futuros jogos. Não pense que HDR em jogos será algo como 3D ou VR, com um ou outro game apresentando esse recurso. HDR será a regra! Pois sua implementação é relativamente fácil e praticamente todas as Engines modernas já conseguem criar jogos com essa gama de cores extra. Em 2016 se lançou ao redor de 15 jogos com o recurso, em 2017 mais de 25% de todos os jogos lançados tem HDR, e em 2018 ao menos metade dos jogos devem adotar o recurso. Isso não é crença minha, é declaração de desenvolvedores na última GDC e na E3 desse ano.

    Vale a pena já trocar minha TV por um modelo 4k e HDR?
    Talvez. Se você possuir um painel LCD comum, de 2012 ou antes, ao invés de modelo com tela LED, você tem MUITO a ganhar em termos de cores e imagem se adquirir um modelo atual com 4k e HDR. Mas se você tem algum dos modelos mais caros de 2013 para cá (Sony W900, W800, X900, X800, Samsung 9000, 8000, LG OLED) eu aconselharia trocar apenas pelos modelos topo de linha de 2017 ou então esperar pelos modelos de 2018. Não que os modelos novos não sejam melhores que sua Sony W900 ou Samsung JS9500, praticamente todos são, mas só compensa mesmo se você estiver disposto em gastar 6~7 mil reais nesse momento e pegar uma tela com certificado HDR Premium.

    Ainda vale a pena comprar TVs de 1080p (Full HD)?
    NÃO!
    Explico. Nós já passamos o limiar da mudança de resolução (de 1080p para 4k) e ela já foi concretizada em 2016. Em 2015, 1/3 de todos os modelos de TV vieram com telas UHD, e em 2016, quase 70% da oferta total disponível foi apenas em 4k, e isso inclui todos os modelos de topo e medianos...TODOS! Soma-se a isso o fato das empresas estarem abandonando cada vez mais as telas de menor polegadas que, não por coincidência, não apresentam tantos benefícios em 4k. Quem tenta achar telas de 30", 32", 39", 40", 42", 43" e até mesmo 46" sabe que elas já não são mais ofertadas nos modelos melhores e mais caros de LG, Sony, Samsung, Panasonic, Philips etc. Hoje em dia é reservado à estes tamanhos apenas os painéis de TV mais fracos e mais baratos de cada marca. 49", 50" e 55" são o novo mínimo para os melhores modelos, e é justamente ai que o 4k faz sentido.

    Por isso, se você for comprar uma nova TV hoje, pense seriamente em comprar uma TV 4k, e se seu orçamento permitir, uma com bom HDR. O abandono do formato Full HD não ocorrerá num futuro hipotético distante, pelo contrário, ele já ocorreu! Nem se trata mais de resolução apenas, mas sim de recursos e tecnologias novas que telas Full HD não vão receber. Nenhuma tela de 1080p tem ou terá HDR, e a LG abandonou a resolução na sua linha OLED, fora isso, alguns modelos 1080p da marca nem receberão a atualização do sistema smart deles, o WebOS 3.5. De 2017 em diante, telas Full HD, terão a mesma disponibilidade de modelos que telas de 720p (HDTV Ready) tem hoje em dia, ou seja, 1-2 modelos de alguns poucos fabricantes e apenas com telas de refugo, as piores e mais baratas.

    Então se você me pedir uma sugestão de uma boa TV Full HD atual para comprar, eu não posso te recomendar nenhuma. Todos os modelos desse tipo de painel atualmente são significativamente piores que suas contrapartes Full HD de 2015, 2014 e até mesmo 2013. A era das TVs Full HD acabou! Quem já tem uma, continue aproveitando a sua até sentir necessidade de trocar, mas para quem vai comprar um aparelho novinho e está pensando em gastar entre 3 e 5 mil por uma boa tela, é besteira investir em TV 1080p; a não ser que seja uma segunda tela, ou uma TV para o quarto das crianças, ou para colocar na fazenda, ou uma TV quebra-galho num escritório ou coisa do tipo. Mas como sua TV principal, àquela que você assiste seus filmes, novelas, seriados e jogos, tire Full HD da sua mente e considere apenas 4k.

    As grandes marcas decidiram descartar de vez as telas Full HD, e esse caminho não tem volta.

    Qual o tamanho de TV 4k devo comprar?
    Existem mil diagramas de cálculo em inúmeros sites internet afora falando sobre isso mas basicamente o quadro abaixo te dá uma boa ideai de quais os tamanhos de tela ajustados a distância que você assiste te permite desfrutar ao máximo a resolução UHD. Como na vasta maioria dos lares o sofá se encontra entre 2~2,5m da TV o ideal é uma tela de 55". Não por coincidência, este é o tamanho usual de telas 4k:
    [​IMG]

    Qual input lag ideal para jogar numa TV?
    Gamers tem que ficar de olho no Input Lag. Via de regra, é universalmente aceito o seguinte:

    00-21ms Excelente ->O melhor do melhor. Serve até para campeonato de jogos.

    22-41ms Bom ->Ainda muito bom, até mesmo para MP competitivo super rápido, como luta e FPS "twitch". Só os gamers extremamente sensíveis ao lag ou os jogadores MUITO analíticos perceberão algum lag, ainda que extremamente sutil.

    42-61ms Mediano ->Jogos já começam a ficar um pouco mais "pesados", mas para a maioria ainda será perfeitamente jogável. Quase todos os jogos SP ainda tem boa resposta, com exceção de um ou outro, mas jogos MP em geral começam à sofrer com o lag extra, especialmente os mais rápidos, como luta (SF5, KI, KoF...) e FPS "twitch" (COD, Overwatch...). Jogadores casuais não terão problemas.

    62+ms Ruim ->O lag excessivo já afeta de maneira severa até os jogos SP e é facilmente percebido pela vasta maioria dos jogadores. Estando abaixo dos 70ms, alguns ainda conseguem jogar, se adequando ao "peso extra", mas estes são minoria e em geral, pessoas mais resistentes ao lag.

    Dito isso, alguns fabricantes no passado já reduziram lags em TVs através de updates de firmware (exemplo, a LG B6 lançou com 54ms de lag e abaixou para 27ms depois de 10 meses de updates), mas isto foi restrito aos modelos mais caros de cada marca e não ocorre de forma imediata. Algo entre 10~15ms é praxe, acima de 20ms é mais raro. Então algo assim é certamente uma possibilidade, mas de forma alguma uma certeza. Outros seguiram caminho inverso, aumentando o lag com updates futuros (exemplo, a Sony X935D de 2016 lançou com lag de 34ms e aumentou para 51ms após 1 ano).

    Qual a diferença entre telas IPS e telas LED?
    Como via de regra, eu recomendo LED acima de telas IPS. O motivo é simples, telas IPS te entregam melhor saturação de cores e maior ângulo de visão, por outro lado o nível de preto delas é bem ruim e o contraste é pequeno. Telas LED são o oposto, geralmente perdem um pouco na cor e no ângulo de visão mas são campeãs em contraste e nível de preto. Dada a escolha, a vasta maioria das pessoas prefere as vantagens das LED do que das IPS. A queda de contraste e preto no IPS é extremamente significativa. Em todo caso, existe quem curte e até prefere o IPS acima da opção LED. Eu mesmo possuo um amigo que só compra TV LG de IPS porque na sala tem uns sofás laterais e a tela IPS acaba agradando mais e exibindo melhor imagem para pessoas nesses ângulos mais extremos do que LEDs.

    Para quem sempre assiste/joga TV em ambientes mais claros, bem iluminados, de dia, ou ainda, só joga games coloridos como Overwatch, Yokaa-Laylee e Super Mario a tela IPS não se distingue em quase nada da sua contraparte LED (exceto pelo contaste menor que deixa a imagem mais borradinha). O problema é quem gosta de jogar/assistir TV à noite em ambiente muito escuro, ou pior, no breu total, ou jogos escuros/noturnos como Outlast, Bloodborne, Evil Within, Dead Space; Esse pessoal deve passar longe de uma IPS, e é por isso que eu dificilmente as recomendo. Iluminação é amiga dessa tecnologia, a falta dela não. A tela se apresenta esbranquiçada. Existe um termo para isso - "IPS glow" - e por melhor que a tela em questão seja, não tem jeito de eliminar esse efeito, faz parte de como ela funciona. Dentre todas as telas (plasma, ips, led e oled) as IPS sempre tem o pior nível de preto...sempre. É esse aspecto que costuma chatear usuários e o motivo pelo qual a maioria às evita.

    Apenas como título de ilustração, abaixo tem uma tela IPS e um monitor LED. Tentem adivinhar qual é qual...rs.

    [​IMG]

    [​IMG]

    Notem que fica claro qual é o IPS dentre os dois modelos. Sempre que a tela fica preta ocorre esse "esbranquiçamento". O preto no IPS fica "desbotado", mais para um cinza. O pior é que isso ainda afeta a uniformidade do painel criando áreas que são mais claras e outras que são mais escuras. E claro, esse foi um mero exemplo. Existem variações, existem telas LED horríveis com nível de preto tão ruim quanto IPSs, e existem TVs IPS com nível de preto um pouco melhor que algumas LEDs de entrada.

    Agora exemplos reais. Abaixo estão testes de "tela escura" para medir nível de preto e uniformidade do painel em TVs. Isso ocorre quando parte da tela exige algum brilho deixando sua vasta maioria escura. Algo muito comum em jogos mais escuros, e filmes/seriados com cenas noturnas.

    Esta é a da UJ7500 (LG 2017) - IPS
    [​IMG]


    Esta é a da UH7700 (LG 2016) - IPS
    [​IMG]


    Esta é a da KU6300 (Samsung 2016) - LED
    [​IMG]

    Num ambiente de shopping, bem iluminado, todas parecem estar em pé de igualdade, mas em casa, dependendo da forma como o usuário prefere assistir sua TV, essas particularidades de cada tecnologia empregada na tela pode trazer chateação. "Ah Marcus, mas todas as IPS tem contraste, uniformidade e nível de preto ruim? Mesmo as mais caras?" Sim, todas, sem exceção. Como eu disse, isso faz parte da tecnologia delas. "Ah mas eu gosto mesmo é de jogo colorido ou quase nunca jogo no escuro, sempre tem uma luz no ambiente da TV. Eu vou perceber isso?" Beleza, nesse caso, se você realmente evita ambientes/jogos/filmes/seriados escuros ou pelo menos sempre tem alguma luz no ambiente (não precisa ser a do teto, pode ser um abajur perto, ou uma luz spot, enfim, qualquer fonte de luz indireta que aumente a claridade do ambiente), nesse caso, os "defeitos" do IPS serão sim minimizados, e você pode nem percebê-los.

    Reitero
    , não estou dizendo que optar por uma LG IPS é um erro, ou uma compra ruim. Entretanto, a compra merece cuidado e conhecimento prévio do que a tecnologia em questão consegue ou não entregar. Cada caso é um caso. Como mencionei lá em cima, um amigo meu sempre tem telas IPS pela disposição dos móveis em sua sala que sempre obriga parte das visitas à assistir TV numa lateral bem extrema. Algo que nenhuma LED consegue entregar.
    ***
    [ATUALIZAÇÃO 14/NOV/2017]
    Panasonic EX750B modelo 2017 adicionada na lista no lugar da antiga DX700B de 2016.

    [ATUALIZAÇÃO 23/AGO/2017]
    Modelos 2017 foram adicionados na qualificação geral e o sistema de qualificação geral (pontos fracos/fortes) foi reformulado para valores numéricos e facilitar a escolha. A pontuação final de cada modelo não é a mera soma dos itens individuais. Cada TV pode ter méritos e deméritos baseado em suas vantagens e pontos fracos. Por exemplo, se a TV possui judder ou lag um pouco alto ela pode perder alguns pontos, mas se é particularmente eficiente em cenas em movimento ou possui processamento melhor de imagem pode ganhar pontos.. Enjoy :D

    [ATUALIZAÇÃO 16/AGO/2016]
    Uma matéria recente da Eurogamer e da HDTVTest.UK confirmam que quase a totalidade das TVs de 2016 não suportam HDR ativado no "Modo Game". Ou seja, para usar HDR tem que deixar no modo específico, seja "Modo HDR", "Modo Cinema", "Modo Dinâmico" etc, onde o lag é bem maior que o Modo Jogo e perceptível para a vasta maioria dos jogadores, principalmente em jogos MP como corrida, esporte, tiro e luta. Este ano apenas as Panasonic Vieras DX900 e DX700 foram lançadas com a capacidade de implementar o recurso independente do modo de imagem. A Samsung KS7000 lançou sem essa capacidade mas a empresa se pronunciou no twitter falando que vai implementar por update de firmware. Sony e LG ainda não se pronunciaram.

    Essa restrição inclui favoritas como LG OLED E6 (HDR ativado com lag de 51ms), LG OLED B6 (HDR ativado com lag de 62ms) e Sony X935D (HDR ativado com lag de 51ms). Estas TVs não são ruins, muito pelo contrário, estão entre as melhores TVs disponíveis atualmente, o ponto é que gamers que busquem justamente o HDR em jogos, neste momento, terão que aceitar lags mais altos (51-62ms) se quiserem ficar com esses modelos específicos. Isso certamente pode mudar no futuro através de algum update de firmware da TV, já que no passado alguns modelos receberam redução de até 15-20ms no input lag, mas de maneira alguma é uma certeza.

    Até o momento, as únicas opções este ano de 4k+HDR em jogos, são a LG OLED E6, a B6, a Panasonic DX900, a Panasonic DX700 e a LG UH8500. E mesmo assim cada uma tem pontos negativos consideráveis.

    http://www.hdtvtest.co.uk/news/tx65dx902b-201608144320.htm
    http://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2016-the-best-4k-screens-for-hdr-gaming

    [ATUALIZAÇÃO 19/SET/2016]
    A Samsung atualizou o firmware dos modelos KS nos EUA e deve chegar aqui ainda este mês. Então a KS7000 passa a integrar as TVs que ativam HDR em jogos.

    Análises recentes em alguns sites como CNET e Rtings apontam que o lag na LG OLED B6 pode ter caído nos últimos updates de firmware. O CNET fala em 37ms, mas eles admitem que a TV deles pode ser um modelo pré-lançamento e não utilizar exatamente os mesmo componentes do modelo vendido. Já usuários do AVForum mencionam 44-45ms, mas ninguém lá deu provas fotográficas desse fato no medidor de lag Leo Bodnar. E agora o Rtings menciona que, apesar da LG não ter se pronunciado sobre esse fato, as OLEDs reconhecem sim HDR no modo jogo, desde que estejam recebendo o sinal apropriado. Eles retestaram a TV e descobriram que ao ligar um bluray UHD com filme HDR e colocar no modo jogo, a B6 marca 38ms de lag, o que é excelente. Mas eles fizeram uma ressalva curiosa. Se o sinal recebido não tiver metadata HDR, se mantem os mesmos 54ms de sempre no modo jogo, mas se for um jogo com HDR o lag cai para 38ms e vai aumentando gradualmente até 54ms, quando ele cai para 38ms novamente e reinicia o processo. Então a B6 está meio que uma incógnita neste momento.

    [ATUALIZAÇÃO 7/JUL/2017]
    A LG reduziu agressivamente o lag em toda sua linha OLED 2016 e implementou HDR no modo jogo. Nos 10 meses desde o lançamento updates de firmware reduziu o lags de 65ms para 34ms na E6 e 27ms na B6!!!! Por outro lado updates de firmware da Sony X935D de 2016 aumentaram o lag no modo jogo de 34ms para 51ms (o que ainda é aceitável para jogos SP, mas já começa a causar lentidão em jogos MP), e em jogos com HDR o lag subiu para impraticáveis 75ms!!!!! Com isso, esse modelo específico de TV não é recomendado para jogos c/ HDR.
     
    LeoXN, caiocmsouza, freedowsRoO e 26 outras curtiram isso.
  2. Ads Master

    Top Poster do Mês

     
  3. ronabs

    ronabs Opa
    Moderador

    Novembro 8, 2010
    9,952
    17,934
    Porto Alegre
    ronabs
  4. SouzaRJ

    SouzaRJ Acho que to ficando velho
    PXB Gold

    Julho 18, 2012
    9,123
    6,519
    Nova Iguaçu - RJ
    SouzaRJ
    Parabéns Marcão! nosso guru tech :grinning:.

    Tópico sensacional! Vou compartilhar ele aqui com uns amigos que querem comprar uma TV nova para o Xcorpio.
     
    LeoXN e Marcus_007 curtiram isso.
  5. Saci

    Saci Heimdall dos Pampas
    Moderador

    Abril 11, 2007
    8,622
    10,374
    Pra esse fim eu não compraria nada antes de agosto do ano que vem.
     
  6. SouzaRJ

    SouzaRJ Acho que to ficando velho
    PXB Gold

    Julho 18, 2012
    9,123
    6,519
    Nova Iguaçu - RJ
    SouzaRJ
    #5 SouzaRJ, Agosto 4, 2016
    Última edição: Agosto 4, 2016
    Eu já disse isso para eles... mas os caras estão numa pilha suprema desse vg, caixistas hardcore mesmo.

    No meu caso, estou muito satisfeito com o 1080P... eu não tenho hardware para tirar total proveito dessa tecnologia... então nem vejo necessidade de investir meu suado dinheirinho numa TV dessas.

    Compartilhei com eles mais por conta do conteúdo didático sobre a resolução e o HDR, que nisso o Marcus mandou bem demais.
     
    Saci curtiu isso.
  7. Suspiria

    Suspiria Viciado

    Agosto 22, 2013
    1,343
    1,234
    @Marcus_007@Marcus_007, mas pra sentir alguma diferença na imagem HDR é preciso que o conteúdo seja produzido nessa qualidade, não é?
    Eu estou tão satisfeita com a minha samsung 2012... A imagem é tão bonita.
    E ela tem entrada pra fone de ouvido.. Eu fui numa loja e olhei em todas as TVs. Nenhuma tinha entrada pra fone de ouvido. Comprei um mini system da Samsung sem entrada pra fone de ouvido. Não consegui achar um que tivesse essa entrada. E não existe ainda um bom adaptador bluetooth pra fone de ouvido. Eu ainda prefiro conexão via cabo em várias situações. Mouse, por exemplo. Mas parece que eles não nos querem mais oferecer essa opção. Um absurdo! Pra quem gosta de música é ultrajante uma coisa dessas.
     
  8. Saci

    Saci Heimdall dos Pampas
    Moderador

    Abril 11, 2007
    8,622
    10,374
    Achei inusitado a entrada pra fone de ouvido.
    Eu tenho um fone wireless cujo transmissor está conectado na saída ótica da TV.
     
  9. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    Sim @Suspiria@Suspiria, para ver a imagem em HDR você precisa de um jogo/filme/seriado/streaming feito com suporte para o recurso, caso contrário não haverá diferença. Se bem que a Samsung (e se não me engano a Sony também) possui uma função chamada "HDR+" que reproduz o efeito mesmo em material que não foi feito com HDR em mente. Eu não vi isso em funcionamento, mas dois amigos que compraram a KS7000 usaram, testaram e gostaram muito do resultado desse "HDR artificial".

    Sobre a entrada de fone de ouvido, sim, elas estão sumindo do mercado (esse ano some até do iphone :imp:), mas isso é algo que se resolve com um HT ou soundbar que venha com o plug. Se você não quer gastar com isso e não gosta do som por bluetooth sempre pode conectar um DAC/amplificador na entrada ótica (como alguns modelos específicos de FiiO ou o Mixamp), ou utilizar um adaptador/conversor mesmo, como esse do link http://produto.mercadolivre.com.br/...o-otico-toslink-para-rca-e-p2-fone-ouvido-_JM a chateação é que vem com mais um plug para ligar na tomada, mas te garante uso do fone de ouvido em qualquer TV que venha a possuir, porque o som digital não sumirá tão cedo das TVs.

    Eu criei a lista com a ideia de nortear compradores que pretendem comprar TVs novas em 2016, e não influenciar quem está satisfeito com a sua a trocar de aparelho :D
    Eu mesmo não trocarei de tela em 2016.....minto.....será muuuuuito difícil eu trocar de tela em 2016. Minha Sony W900A 55" de 2013 ainda é uma das melhores TVs dos últimos 4 anos em termos de contraste, cores, brilho, tons de preto, input lag etc. As cores dela em particular, são absolutamente espetaculares. A única coisa que falta na TV é resolução 4k e HDR. Eu pretendo ficar com ela mais alguns anos --- a não ser que as OLEDs baixem de preço....rs. Eu já decidi, minha próxima tela será uma OLED, essa sim vai trazer ganhos significativos em cima da minha Sony W900. Eu dei bobeira e não peguei a LG OLED EG9600 de 2015 quando ela apareceu por 6,5 mil e agora ela sumiu do mercado. Já criei alertas de preço e se essa LG OLED E6 ou B6 caírem abaixo dos 7k....eu pego....
    [​IMG]
     
  10. Suspiria

    Suspiria Viciado

    Agosto 22, 2013
    1,343
    1,234
    O que que custa colocar o maldito buraquinho pra fone? Eu sou old school... rsrs

    Eu tenho um FiiO. Bom saber. Obrigada pela dica.
     
    Saci e Final curtiram isso.
  11. BIackbelt

    BIackbelt Jogador
    PXB Gold

    Abril 2, 2008
    935
    419
    São José do Rio Preto
    BIackbelt
    Eu estou muito satisfeito com a minha Samsung JU7500 65", ela só não tem o HDR mas é 4k, tem input lag de 11 ms, excelente contraste e uniformidade de preto/cinza comparado com outras LED. O painel é Full LED em vez de Edge-lit, o que ajuda nisso. Assistir Netflix 4k é muito show! Ela faz um bom upscaling tanto de 720p quanto de 1080p. Só não peguei um modelo acima com tudo isso + HDR pois custaria o dobro do preço ficando totalmente fora do meu orçamento. Comparado com a minha antiga LG LA6200 46" me sinto em um cinema, não pretendo trocar pelo menos nos próximos 5 anos.

    Enviado de meu SM-G935F usando Tapatalk
     
    IronLexPM curtiu isso.
  12. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    #11 Marcus_007, Agosto 7, 2016
    Última edição: Agosto 11, 2016
    [ATUALIZAÇÃO]
    Fiz um pequeno update adicionando a Panasonic DX700 na lista de opções e deixando mais claro que tanto a DX700 quanto a LG UH8000 não reproduzem HDR de verdade, mas que por causa de características específicas de seus painéis, ainda são melhores que os modelos inferiores destas marcas, e mesmo não chegando perto de uma Samsung KS7000 com HDR verdadeiro, proporcionam aos seus donos um ganho significativo em termos de cores e contraste.
     
    jefersonloganrj, SouzaRJ e John Doe curtiram isso.
  13. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    #12 Marcus_007, Agosto 16, 2016
    Última edição: Agosto 16, 2016
    [ATUALIZAÇÃO 16/AGO/2016] - As informações novas foram adicionadas ao texto original.

    Uma matéria recente da Eurogamer e da HDTVTest.UK vieram para jogar um balde de água fria na esperança de jogar games 4k com HDR em 2016. Segundo testes desses sites, quase que a totalidade das TVs de 2016 não suportam HDR ativado no "Modo Game". Ou seja, para usar HDR tem que deixar no modo específico, seja "Modo HDR", "Modo Cinema", "Modo Dinâmico" etc, onde o lag é bem maior que o Modo Jogo e perceptível para a vasta maioria dos jogadores, principalmente em jogos MP como corrida, esporte, tiro e luta. Este ano apenas as Panasonic Vieras DX900 e DX700 conseguem implementar o recurso independente do modo de imagem. Eles constataram isso e inclusive fizeram comentários de que quase todas as análises de sites A/V no exterior estão sendo negligentes em mencionar este fato aos seus leitores.

    Essa restrição inclui favoritas como Samsung KS9500 (HDR ativado com lag de 124ms), Samsung KS7000 (HDR ativado com lag de 117ms), LG OLED E6 (HDR ativado com lag de 51ms) e Sony X935D (HDR ativado com lag de 86ms). Na matéria da Eurogamer eles listam apenas três TVs com HDR ativado e relativamente baixo lag, a Panasonic DX900 e DX750 (esta última equivale ao nosso modelo DX700), a primeira com lag de 39ms e a segunda com lag de 45ms, e a LG UH8500 com 48ms.

    O site não está dizendo que estas TVs são ruins, muito pelo contrário, derretem elogios para a KS7000, Sony X935D e LG E6 em termos de cores, níveis de preto, qualidade da imagem e resolução 4k cristalina, o ponto da matéria é que gamers que busquem justamente o HDR em jogos, neste momento, terão suas experiências arruinadas por lags altíssimos (60+ms) na vasta maioria das TVs lançadas recentemente. Isso certamente pode mudar no futuro através de algum update de firmware da TV, já que no passado alguns modelos receberam redução de até 15-20ms no input lag, mas de maneira alguma é uma certeza.

    http://www.hdtvtest.co.uk/news/tx65dx902b-201608144320.htm
    http://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2016-the-best-4k-screens-for-hdr-gaming

    Eu modifiquei as sugestões do tópico original para refletir essa divisão. A Samsung KS ainda continua sendo minha escolha predileta, tanto em imagem quanto efeitos HDR em filmes e Streaming, entretanto será inviável jogar com HDR nela. Nesse sentido, as únicas opções este ano de 4k+HDR em jogos, são a LG OLED E6, a Panasonic DX900, a Panasonic DX700 e a LG UH8500. E mesmo assim cada uma tem pontos negativos consideráveis.

    1) LG OLED E6
    O preço caríssimo da tela é um dos seus maiores empecilhos. O modelo de 55" está sendo anunciado por 14-15 mil, mas dentro de 6 meses mais ou menos ela cai abaixo de 10 mil reais. Mesmo tendo um Modo Jogo com lag aceitável de 34ms, só tem HDR se jogar em outros modos, o que eleva o lag para 51ms, ou seja, não é o preferível. A boa notícia é que os demais modos da TV tinham lag acima de 64ms até início de agosto mas um update de firmware recente da LG reduziu esses valores em 13ms (segundo o Rtings). 51ms ainda é muito alto para MP competitivo e a vasta maioria dos jogadores perceberá facilmente o lag mesmo em jogos SP. A esperança é justamente a LG conseguir reduzir ainda mais o lag nos demais modos. Mas nada garante quando ou se esse update realmente ocorrerá. Se abaixasse para 45ms ou menos ela já se tornaria uma opção verdadeira para jogos 4k+HDR. Infelizmente a irmã mais barata, a LG B6, tem lag demais para jogos 4k+HDR, não dá nem para considerá-la no páreo. Com 63ms com HDR ativado, ela é ruim demais nesse quesito.

    2) Panasonic DX900
    Sem opção de tamanhos menores que 65" deixam essa TV MUITO cara, meio osso pagar por uma LED preço que daria para levar uma OLED, como a LG acima. Sem falar que o tamanho realmente se torna inviável para muitas pessoas por causa de dimensão física da sala, distância de sofá etc. Se houvessem as opções de 58" ou 50" como tem lá fora ela se tornava a vencedora disparada, mas apenas com 65" por 15mil? Tenso :/ E mesmo assim o sujeito tem que fazer concessões, porque apesar do modo jogo com HDR ativado ter aceitáveis 39ms, deve-se desligar a opção "Controle de Backhlight Adaptativo" (que impede que tons negros fiquem "lavados" em cenas HDR que misturam fontes de luz em locais escuros), caso contrário o lag sobe para indesejáveis 51ms.

    3) Panasonic DX700
    Tem tamanho menor, de 58", o que permite preços abaixo de 6 mil já no lançamento, e facilita para muitos por causa do tamanho. Ela certamente tem um excelente custo/benefício mas não é uma TV sem falhas. A começar por não ter HDR de verdade por falta do painel de 10bits e brilho de 500nits. Ainda sim todas as reviews apontam que o tal do chip HCX faz milagres nesse modelo específico conseguindo reproduzir algo que um "meio-HDR". O outro ponto negativo é o lag da TV de 44ms no modo jogo, que ainda é aceitável, mas pessoas muito sensíveis já perceberão o lag "maior". Sem falar que aqui também deve-se desligar a opção Controle de Backhlight Adaptativo o que "piora" ainda mais a experiência HDR da TV.

    4) LG UH8000
    Possui tamanhos menores, de 49" e 55" o que pode atrair muita gente. Tem o "meio HDR" igual a DX700 mas a diferença que o novo chip HCX da Panasonic faz é visível nesta tela da LG. No momento ela está na mesma faixa de preço da Samsung KS7000 e a Panasonic DX700, mas ela deve cair de preço mais rápido porque as outras telas são bem melhores que esta, então dentro de uns 5-6 meses o modelo de 49" pode estar saindo por 2,5 mil ou até menos, caso contrário vale bem mais pegar as rivais.
     
    jefersonloganrj e SouzaRJ curtiram isso.
  14. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    #13 Marcus_007, Setembro 4, 2016
    Última edição: Agosto 23, 2017
    [ATUALIZAÇÃO 4/SET/2016]

    Eu fiz uma atualização nos demais fóruns AV que participo, então vou atualizar aqui no PXB também. Me perdoem o excesso de detalhes pois eles estão um pouco mais técnicos do que eu costumo postar aqui no site. Estou fazendo um simples "copiar" e "colar". Depois eu edito de acordo. Eu mencionei há alguns usuários em privado que estava seguindo alguns boatos que estavam rolando no exterior e nestes últimos três dias recebi respostas de praticamente tudo o que fui atrás. O que vou dizer só importa somente à quem vai comprar TV 4k e deseja usar HDR para jogos. Para quem usa a TV apenas para filmes, novelas etc, este post não é importante para você. Primeiro vou relembrar rapidamente algumas coisas de lag. Via de regra, é universalmente aceito o seguinte:

    00-21ms Excelente ->O melhor do melhor. Serve até para campeonato de jogos.

    22-41ms Bom ->Ainda muito bom, até mesmo para MP competitivo super rápido, como luta e FPS "twitch". Só os gamers extremamente sensíveis ao lag ou os jogadores MUITO analíticos perceberão algum lag, ainda que extremamente sutil.

    42-61ms Mediano ->Jogos já começam a ficar um pouco mais "pesados", mas para a maioria ainda será perfeitamente jogável. Quase todos os jogos SP ainda tem boa resposta, com exceção de um ou outro, mas jogos MP em geral começam à sofrer com o lag extra, especialmente os mais rápidos, como luta (SF5, KI, KoF...) e FPS "twitch" (COD, Overwatch...). Jogadores casuais não terão problemas.

    62+ms Ruim ->O lag excessivo já afeta de maneira severa até os jogos SP e é facilmente percebido pela vasta maioria dos jogadores. Estando abaixo dos 70ms, alguns ainda conseguem jogar, se adequando ao "peso extra", mas estes são minoria e em geral, pessoas mais resistentes ao lag.

    Obs.: É importante dizer que os números acima correspondem à média humana, pois lag é de certa forma subjetivo. Existem estudos que dizem que a percepção ou não do lag varia muito de pessoa para pessoa. Pessoas que são bem sensíveis ao lag tendem a possuir tempo de reação natural marginalmente maior do que pessoas mais resistentes à ele. Por isso que algumas pessoas jogam em 50-60ms sem problema algum, já outras acham os mesmos 50-60ms insuportáveis.

    Vamos aos resultados das minhas pesquisas e indagações junto aos sites de análise e fóruns estrangeiros:

    Sony - X935D
    Eu posso dizer com confiança, que neste momento, nenhuma Sony 2016 reproduz HDR em modo jogo. Ponto final. Existiram boatos de alguns poucos usuários no site Eurogamer que a Sony X935D ativava HDR no modo jogo mas absolutamente ninguém conseguiu provar. Fora isso eu recebi confirmação do HDTVTest e do Rtings que realmente as Sonys só ativam HDR nos demais modos de imagem, mas não no modo jogo. Tem se falado que a empresa em algum momento vai lançar um update de firmware que corrigirá essa falta de suporte, e apesar disso ser perfeitamente possível, de maneira alguma é garantido e não existe qualquer data de quando, ou se, isso ocorrerá.

    O lag do modelo X935D não é assunto pacificado (assim como outros abaixo) e há uma discrepância enorme nas reviews. CNET (modelo de 65"), FlatpannelHD (modelo de 65") e AVForum (modelo de 65") colocam ela na faixa dos 37ms (game), 65ms (cinema), ambos com local dimming desligado, e se ligar, esses valores sobem no modo jogo para 51ms e variam como as OLEDs (explicado abaixo) chegando até 67ms antes de resetar e começar de novo. Em outros modos de imagem os valores chegam a 89-90ms. O lance é que Rtings (modelo de 55"), PCgamer (modelo de 65"), HDTVTest (modelo de 65") e AVForum (modelo de 55") mediram 51ms no modo jogo e 91ms nos demais. Esqueceram de desligar o local dimming? Não sei. O AVForum menciona esse fato no modelo de 65", mas não no de 55", mas me parece improvável que aplicassem testes diferentes no mesmo modelo. Encontrei duas pessoas no AVSforum para testar esse modelo específico no Leo Bodnar, um rapaz com o modelo de 55" informou que a X935D dele mediu 51ms/78-91ms, e outro chegou a ter 3 TVs de 65" (e foi trocando por defeitos na TV - clouding, vazamentos etc) mediu LB em todas e achou três números diferentes: 30, 47 e 50ms. mas ele não postou fotos. Então pode ser um lance talvez de firmware desatualizado, local dimming ligado ou mesmo tamanho da tela (possibilidade apontada pelo Rtings). Acho que tem uma boa chance da tela mais lenta pertencer mesmo ao modelo menor (55") não vendido no Brasil. Apenas tenha consciência de que alguns sites e donos do modelo de 65", no exterior, encontraram valores superiores aos da CNET, quando testaram suas telas no Leo Bodnar. No pior dos casos, se você der azar, saiba que 52ms no modo jogo acaba afetando mais jogos MP competitivos super rápidos, do que jogos SP. Mas HDR ficará fora das suas possibilidades. Mas a chance maior parece ser a de pegar o painel rápido de 37ms nos modelos de 65". HDR com 65ms não é o ideal, mas para jogos SP ainda fica "jogável" mesmo que um pouco "pesado".

    Samsung - KS7000
    Não existe uma conclusão 100% concreta se a KS7000 ativa ou não HDR no modo jogo. Explico. Sites como Eurogamer e HDTVTest refizeram seus tests para mim e ambos me confirmaram que não, nenhuma KS7000 exibe conteúdo HDR quando está no modo jogo. Seu padrão de cores não se altera, nem brilho, nem tons de preto, nada. Ambos atualizaram as TVs com o último firmware e mesmo assim a resposta foi negativa. Entretanto, o site Rtings, que possui o modelo KS8000, que teoricamente é a nossa KS7000 (assim como o modelo britânico testado pelo HDTVTest e Eurogamer) me confirmou justamente o oposto, que sim, a KS8000 quando testada com sinal HDR sendo enviado no modo jogo, a TV alterou significativamente suas cores e brilho para se adequar à metadata recebida. Eles até atualizaram a página com a informação. Três retestes, 2 posições completamente opostas, a mesma TV. Se eu fosse chutar eu diria que talvez, apesar de serem virtualmente idênticas, pode ser que internamente hajam diferenças entre o modelo KS8000 americano e o KS7000 britânico/brasileiro, assim como ocorre com a Pana X750 americana e a Pana X700 brasileira.

    Então para HDR em jogos, as Samsung estão no mesmo barco que as Sonys, um lance meio que "vai na fé que às vezes dá", pode ser que venha com um update, pode ser que não venha nunca. Ao menos se tem uma confirmação oficial de um grande site que na KS8000 americana funciona, o que não consegui foi alguém confirmar o mesmo em uma KS7000 inglesa. O Rtings me disse que a KS8000 ativa o HDR em jogos desde que esteja com as seguintes configurações Colorspace='Native', Backlight='Max', Smart LED='High', Special viewing mode='Game'. Em termos de lag, ela tem o melhor de todas disparado, 21ms. O Rtings inclusive me disse que com HDR no modo jogo o lag aumenta 1ms apenas, o que é fantástico, pena não ter confirmação para o nosso modelo específico. Infelizmente para jogar na nossa KS7000 com HDR você, nesse momento, tem que escolher os demais modos de imagem e todos ultrapassam altíssimos 113ms.

    Panasonic - DX900 e DX700
    Tanto Eurogamer quanto HDTVTest me confirmaram que em 2016 apenas as Panasonics ativam HDR em modo jogo. o HDTVTest ainda fez um adendo, para ativar HDR e manter o lag baixo deve-se desligar "Adaptative Backlight" em ambas as TVs. Isso causa perda da qualidade de tons pretos, mas o site respondeu que a perda não chega a ser severa, sendo um pouco mais notada na DX900 mas não na DX700. As Panas permitem que você escolha qual HDMI estará recebendo sinal HDR independente do modo de imagem, permitindo assim, ativar o recurso de forma manual. Todas as demais marcas ativam o recurso de forma automática, desde que esteja em outro modo de imagem que não o "Jogo". Em termos de lag, a DX700 marca entre 45-48ms e a DX900 marca 38-39ms, ambas com Adaptative Backlight desligado, com ele ligado os lags aumentam para 57-60ms e 50-51ms respectivamente.

    LG OLED - E6 e B6
    Se a história da Samsung kS7000 já é complicada a das OLEDs 2016 é mais feia do que briga de foice no escuro. Primeiro que existem 2 grupos distintos entre as TVs, de um lado os modelos G6, E6 e C6 receberam melhora considerável no lag desde seu lançamento, por outro lado a B6 se tornou essencialmente o "patinho feio" das OLEDs sem qualquer melhoria nesse sentido. Inicialmente todos os modelos estavam na casa dos 50ms, mas nos últimos 3 meses enquanto as TVs mais caras abaixaram para 34ms no modo jogo e 51ms em todos os demais modos, a B6 permaneceu nos mesmos 54ms no modo jogo e 62ms nos demais modos. Como elas também não ativam HDR no modo jogo deve-se usar alguns dos outros, como "Expert Dark Room", então o lag efetivo nesses jogos passará a ser o "pior" dos valores mencionados anteriormente.

    Mas a história não acaba aí. Muita gente afirmou categoricamente que o lag nas B6 caíram após os últimos firmwares, possibilidade que acabou sendo refutada posteriormente por usuários de fóruns como AVS, AV e HardOC que possuíam aparelhos de mediação de lag Leo Bodnar, postando fotos e videos, entretanto eles se depararam com algo estranho. Se, ao selecionar modo jogo (ou qualquer outro modo) você mudar o input (seja para outro HDMI ou USB) e posteriormente retornar ao HDMI que você saiu o lag cai 10-11ms, e se mantêm nessa marca. Ninguém sabe explicar porque isso ocorre. Então a melhora sentida por esses usuários pode estar vindo dai. A B6 então, ao realizar este procedimento, cai para 44ms no modo jogo e 52ms nos demais. mas você tem que fazer isso todas as vezes, mesmo se acabou de ligar a TV. Fora isso, existe uma variação cíclica do lag nas OLEDs, eles costumam aumentar em média 10ms em seus valores base ao longo de meia hora mais ou menos, para retornar ao valor base após esse período e reiniciar o aumento incremental novamente. O Rtings inclusive cita isso. Não se sabe o motivo mas especula-se que talvez tenha relação com mecanismos internos da TV para evitar retenção de imagem ou até mesmo o ABL.

    O review da CNET, questionado inclusive por mim e retestado pelo analista, afirma categoricamente que o modelo B6 atinge a marca de 37ms em modo jogo e 44ms nos demais, se aproximando dos demais modelos de OLED, entretanto nenhuma TV na mão de consumidores apresentou a mesma performance quando testada no aparelho Leo Bodnar. Em todo caso, o analista em questão menciona que os aparelhos enviados à ele pela LG podem não ser os mesmos à venda ao grande público, então pode vir dai os resultados completamente contrários aos demais reviews do modelo. Também conversei com vários youtubers que possuem o modelo B6 e ao menos metade afirmaram estarem plenamente satisfeitos com sua B6, inclusive jogando games SP de ação bem frenética, como Doom, ou mesmo MP "twitch" como Overwatch e COD BLOPS 3. Me disseram que não perceberam lag significativo ou muito pouco. Já outros me afirmaram que o lag no MP está simplesmente impraticável, arruinando a experiência em Halo e outros jogos similares. Não entramos em muitos detalhes, mas pode ser muito bem o caso de ambos estarem certos. As vezes os que estão satisfeitos jogam no modo jogo realizando a troca e retorno de input (44ms), e os que estão chateados jogam nos demais modos sem a troca de input (64ms), o que dá uma diferença considerável. Por isso quem quiser pegar a B6 cai na mesma área da Sony e Samsung, vai ter que ir na fé. Coloca no modo jogo e fica trocando de input toda vez que for jogar MP, e troca de input e coloca no "Expert Dark Room" ou algum outro, quando quiser jogar demais games SP com HDR.

    ****
    Foi isso que eu descobri após 30 dias de investigação, 20 emails trocados e centenas de páginas lidas em fóruns estrangeiros. Não devo trazer novas informações sobre essas TVs tão cedo. Vou deixar lá para a época da Black Friday (final de novembro) para ver se algo mudou com elas. Qualquer dúvida me busquem aqui, ou se eu estiver demorando, me enviem msg em privado. Posteriormente atualizarei as informações do post inicial com estes novos achados. Abraços.
     
    Cap Holandes, Victal e jefersonloganrj curtiram isso.
  15. jackzsul EX

    jackzsul EX Viciado

    Março 10, 2014
    1,651
    859
    jackzsul ex
    Depois desse tópico percebi que pra mim TV 4k com HDR pra jogar ainda é algo bem distante

    Enviado de meu ASUS_Z00AD usando Tapatalk
     
  16. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    Realmente, 2016 realmente está muito minguado em opções. Quem quiser ser early adopter de 4k e HDR nos jogos este ano vai ter que fazer concessões ou abrir a carteira pesadamente.
     
  17. dlm1982

    dlm1982 Novato
    Colaborador

    Agosto 26, 2007
    6,135
    1,585
    dlm1982
    @Marcus_007@Marcus_007 mas qual a diferença em jogoar com HDR de games ativado e o HDR de filmes ativado, por exemplo.

    Confesso que nunca uso essas especificações de fábrica nas TV. Eu coloco o cabo na TV e deixo o fluxo seguir...e altero manualmente as configurações (gosto de usar tons frios)
     
  18. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    Lag. O Modo Jogo geralmente oferece lag menor, o que é sempre preferível, principalmente para jogos MP bem rápido como de luta ou COD, por exemplo. Então muitos preferem jogar apenas com ele. Mas essa primeira geração de TVs com suporte à HDR não ativam HDR se a TV estiver no modo jogo, apenas nos demais, logo, para ter as cores, iluminação e sombras do recurso você tem que jogar no modo cinema, ou dinâmico, ou padrão, etc, que as vezes possuem lags altos demais, principalmente para aqueles jogos MP que citei anteriormente. Tem TV que no modo padrão passa dos 100-120ms por exemplo, valor que incomoda bastante até jogadores casuais, e se o HDR só ativar nele o cara nunca vai experimentá-lo nos jogos, apenas nos filmes. Em 2016 apenas as Panasonics permitem ativar HDR no modo jogo e manter o lag baixo. Existem boatos que Sony e Samsung irão implementar isso também, através de firmware. Estou seguindo os fóruns estrangeiros, mas até o momento não se sabe quando, ou se, isso ocorrerá de fato.

    Mas tudo depende do modelo da TV em questão Diego. Minha Sony W9 mesmo, tem 20ms no modo jogo e 34ms no modo padrão, então eu geralmente alterno entre os dois para jogar. Já o modo cinema dela é muito lento, mais de 80ms.
     
  19. Kassal

    Kassal The Force is with me
    PXB Gold

    Janeiro 10, 2007
    972
    450
    Rio de Janeiro
    fbiopereira
    Se você conectar um XOne ou um PS4 em TV 4k eles usam a resolução nativa da tv ou 1080 mesmo? Existe diferença de resolução do SO para os Jogos?
     
  20. Marcus_007

    Marcus_007 Viciado

    Fevereiro 1, 2010
    3,797
    4,382
    Tudo o que você colocar numa TV 4k será exibido em 4k através do upscaler interno da TV, da mesma forma que tudo o que você colocar numa TV full HD será exibido em 1080p independente da fonte. Então se colocar seu PS4 ou XB1 em uma a imagem vai direto para 4k, mesmo seu VG dizendo que está enviando em HD. O que ocorre é que a imagem escalonada dessa forma fica mais suave, ligeiramente mais borrada do que a imagem 4k verdeira e é fácil distinguir as duas se estiverem lado a lado. Se você for numa loja e olhar um paredão de TVs 4k passando seus demos, àquelas que tem mais clareza, mais nitidez estão exibindo arquivos 4k, àquelas que estão mais borradinhas são arquivos HD.

    Por fim, a qualidade do upscaler depende MUITO da marca e modelo de TV. TVs mais caras são melhores que as mais baratas, e japonesas (Sony e Panasonic) geralmente produzem um resultado melhor que coreanas (Samsung e LG). Se você tiver um XB1 S pode usar o upscaler dele ao invés da TV, às vezes se consegue um resultado melhor. A Digital Foundry testou o XB1 S deles na TV 4k HDR que compraram (Panasonic DX700) e descobriram que o upscaler da própria TV faz um resultado melhor que a solução da MS então setaram o console para ficar enviando sinal HD mesmo. No teste deles descobriram que até o OS do XB1 não corria à 4k nativo, sendo utilizado o upscaler do VG também.
     
    jefersonloganrj e Kassal curtiram isso.
  21. Kassal

    Kassal The Force is with me
    PXB Gold

    Janeiro 10, 2007
    972
    450
    Rio de Janeiro
    fbiopereira
    Valeu. Sabe dizer se no Brasil já tem modelos 1000nit a um preço normal, por volta de 5/6k?
     

Compartilhe!

  • Sobre o PXB

    Criado em 2005 (como Portalxbox), o PXB é uma comunidade virtual de jogadores do Xbox. Nosso objetivo é discutir todos os assuntos relacionados a marca, proporcionando um ambiente saudável e descontraído para todos os usuários.
  • Brothers PXB

  • PXB Gold

    Com perfil PXB Gold você contribui com os custos para manter nossa comunidade funcionando perfeitamente! A sua assinatura oferecerá algumas funcionalidades extras para seu usuário (navegação sem publicidade, hospedar imagens de anexos, assinaturas de posts com imagens, subtítulo de avatar personalizado). A adesão é realizada pelo valor de R$3,00 (três reais) por mês ou R$25,00 por ano.

    Assinar com PayPal!