Viva 2013 - Quem mais começou o ano desempregado?

Elizia Maria

Novato
1
0
Infelizmente hoje em dia a questão do emprego tá muito complicada. Como a oferta de trabalhadores está muito alta, as empresas tem valorizado muito pouco seus funcionários e adotando o lema "se não quer, tem quem queira".
 

Marosse

Viciado
2,532
154
Uberlandia
[quote1363732685=Elizia Maria]
Infelizmente hoje em dia a questão do emprego tá muito complicada. Como a oferta de trabalhadores está muito alta, as empresas tem valorizado muito pouco seus funcionários e adotando o lema "se não quer, tem quem queira".
[/quote1363732685]

Discordo. Hoje o nivel do pessoal está tão baixo que está dificil demais contratar alguem que consiga pelo menos falar direito.

Minha recepcionista não consegue PREENCHER UM CHEQUE!!! Mas nao tem mais ninguem ai fica dificil

A verdade é que a pessoa quer trabalhar POUCo e receber MUITO. A pessoa quer trabalhar das 7 as 5, não ter responsabilidade, não trabalhar sabado.

O que vai acontecer é o que acontece nos paises desenvolvidos com a imigração so que no Brasil será ao contrário.

Importaremos mao de obra QUALIFICADA e o brasileiro continuará lavando banheiro.

Eu mesmo tenho 1 funcionário britanico e 1 americano...
 

Schwarzz

Viciado
12,907
11,009
Eu discordo também. Não falta trabalho para um bom profissional.

Eu optei por passar 2 meses descansando, bem depois de muitos anos sem ferias eu merecia parar um pouco pra viajar.

Quando "terminei" minhas ferias não levei 3 dias para achar um novo emprego.

Se você é um bom profisional, não falta vaga boa.
 

Schwarzz

Viciado
12,907
11,009
No mercado eu vejo 2 tipos de profissionais.

O primeiro é o que eu chamo de " Pseudo-funcionário publico" é o cara que so ta ali de corpo, só quer saber de cumprir horário dele e ir pra casa, não ta muito preocupado em fazer um bom trabalho só quer o contra cheque dele no final do mês e bye bye. Eu apelidei ele assim pq eu trabalhei/convivi por muito tempo na universidade e a grande maioria dos funcionários é assim, nunca me esqueci uma vez que eu precisava ir em uma secretaria pegar um adesivo para colocar no meu carro para poder estacionar, eu cheguei lá as 18:05 precisamente, o "funcionário" tava com a perna na mesa e se negou a me atender dizendo que so trabalhava ate as 18h, no outro dia eu fui lá na antes das 18, a única coisa que ele fez foi abrir a gaveta e me entregar o adesivo. Não to dizendo que todo funcionário publico é assim, conheci muita gente que trabalha de verdade, mas a grande maioria ta nem ai pro que faz.

O segundo é o cara esforçado, ta sempre querendo estudar, aprender, não bota banca, se valoriza como profissional, desenrolado, sente prazer no que faz.

Pra esse segundo tipo não falta emprego.
 

les420

Jogador
1,766
11
Tô vendo isso bem na prática, abri uma vaga nível pleno na agência de propaganda que eu trabalho, e a quantidade de gente sem portfólio (requisito fundamental p/ a vaga) pedindo de 5k a 8k é impressionante. Tem uma galera que parece viver no fantástico mundo de Bob.

Abrir o email que eu criei pra receber os portifas e currículos é garantia de risada.

Tem gente que acha que vai ter vida de funcionário público mesmo sem ser em um cargo público, isso que é o pior.
 

Gaviões

Jogador
463
0
[quote1363816436=les420]
Tô vendo isso bem na prática, abri uma vaga nível pleno na agência de propaganda que eu trabalho, e a quantidade de gente sem portfólio (requisito fundamental p/ a vaga) pedindo de 5k a 8k é impressionante. Tem uma galera que parece viver no fantástico mundo de Bob.

Abrir o email que eu criei pra receber os portifas e currículos é garantia de risada.

Tem gente que acha que vai ter vida de funcionário público mesmo sem ser em um cargo público, isso que é o pior.
[/quote1363816436]

Pois é Les, quem é bom já está contratado. A menos que a pessoa se sinta mal no trabalho ela não vai largar o osso.

Aqui também está assim. Já faz 4 meses que abriram uma vaga de chefe de projeto Sênior e até agora não conseguiram achar ninguém de com o nível necessário. Nesse ritmo é capaz de eu ou algum outro do time ser promovido, mesmo com menos de 2 anos de experiencia.

A solução que as empresas parecem estar procurando é mesmo formar dentro de casa. Seja com estagiários ou efetivos mesmo.

Entretanto acho que é um problema as empresas não darem chances para quem está entrando agora. Alguns lugares parecem que esperam que o contratado já saiba tudo, sem ter tempo de aprendizado.

As empresas devem procurar sempre um meio termo.
 

Schwarzz

Viciado
12,907
11,009
Esse negocio de empresa esperar demais de um contratado sempre gera umas vagas absurdas, já vi coisas como uma vez uma vaga para bolsista e a empresa queria 2 anos de experiência e alguns requisitos absurdos, outras pediam como requisito tanta coisa que o email era um mega TL;DR, mas uma verdade triste é que muita empresa não entende o conceito de Junior.
 

GoodOfMetal

Jogador
1,819
42
[quote1363872918=Schwarzz]
Esse negocio de empresa esperar demais de um contratado sempre gera umas vagas absurdas, já vi coisas como uma vez uma vaga para bolsista e a empresa queria 2 anos de experiência e alguns requisitos absurdos, outras pediam como requisito tanta coisa que o email era um mega TL;DR, mas uma verdade triste é que muita empresa não entende o conceito de Junior.


[/quote1363872918]

Isso lembra a vaga de estágio que me mostraram uma vez, tinha uma lista de linguagens de programação que ia de cobol até a mais recente na época e algumas que nem mesmo quem já trabalhava na area conhecia e claro tinha que ter inglês e espanhol fluente e o diferencial seria um Arabe básico só que o salário + bolsa era uma miséria também.