Xbox Game Studios está a todo vapor, mas ainda está adquirindo, diz Spencer

CaptainXbox

Viciado
1,329
2,507
São Paulo
"Eu adoraria ver-nos acrescentando novos jogos de narrativas com novos pontos de vista em nosso portfólio First Party".

Enquanto a Xbox Game Studios está em todo vapor desenvolvendo novos jogos para o Xbox Series X, Phil Spencer disse ao Stevivor que ainda há lacunas e a necessidade de "novos pontos de vista".

"Estamos sempre abertos"

Na E3 2018, a Xbox Game Studios adquiriu a Ninja Theory (Hellblade: Senua's Sacrifice), Compulsion Games (We Happy Few), Undead Labs (State of Decay 2) e Playground Games (Forza Horizon 4), além da formação de um novo estúdio chamado The Initiative. Isso foi seguido pela aquisição da Obsidian (The Outer Worlds) e da inXile Entertainment (Wasteland 3) no final do mesmo ano. Embora Spencer esteja satisfeito com o crescimento do Xbox Game Studios, ele ainda diz que há espaço para melhorias.

"Estamos sempre abertos", disse Spencer quando perguntado se ele ainda estava interessado em adquirir novos desenvolvedores. "Gostei da diversidade geográfica que temos crescido com nossos estúdios. Se você olhar para a Ásia, não temos estúdios First Party na Ásia. Eu acho que é uma oportunidade para nós."


"Passamos do modo de aquisição para o modo de execução", continuou Spencer. “[Estamos] sentados aqui com mais de 15 estúdios trabalhando em jogos. Mas não se trata de um desfile de logotipos, ou de 'olhar quem adquirimos esta semana', mas realmente sobre quais jogos [os estúdios] vão desenvolver.

"Eu acho que uma empresa iniciante forte e em crescimento é definitivamente parte de nossa estratégia"
, concluiu. "Adoraria ver-nos continuar a atrair novos contadores de histórias com novos pontos de vista em nosso portfólio First Party".

"Os criativos correrão mais riscos"

Na X019 em Londres, o Xbox anunciou o Grounded da Obsidian e um pouco mais do Bleeding Edge da Ninja Theory.

"Ambos foram iniciados antes da aquisição", enfatizou Spencer. “Então nós os vimos quando estávamos fazendo aquisições nos dois estúdios.

"É realmente o que os estúdios criativos farão: eles geralmente encontram um pequeno grupo que quer sair e tentar algo diferente. É engraçado com a Ninja Theory, porque meu primeiro jogo com Nina [Kristensen] e Tameem [Antoniades, co-fundadores do estúdio] foi Kung Fu Chaos no Xbox original. Vejo semelhanças entre o Kung Fu Chaos e o que é o Bleeding Edge.”


Spencer disse que espera que o Xbox Game Studios possa ajudar a nutrir esse estado de criatividade.

"A capacidade de dar estabilidade financeira aos estúdios para que eles possam experimentar coisas novas, absolutamente, é uma das coisas que Matt [Booty, chefe da Xbox Game Studios] e a equipe traz", disse ele. "Como você tem estúdios e negócios em quantidade ilimitadas, isso não é suficiente para todas as experiências que um estúdio realiza. Deveríamos ser capazes de correr alguns riscos.”

Embora a Microsoft tenha confirmado qual é o próximo projeto da Ninja Theory - Hellblade 2 - ainda não sabemos quais são as próximas grandes novidades da maioria das equipes do Xbox Game Studios. Com o chefe Matt Booty confirmando que veremos títulos recém-anunciados no Xbox One e Xbox Series X para os próximos anos, essas confirmações não devem estar muito longe.
 
Última edição:

Gerent

Viciado
569
409
Santa Catarina
Posso chutar?

Konami.
Apesar de não coincidir com a estratégia, parece ser uma publisher pedindo pela mor de deus me Adquirem.
Mas tem toda aquela de Capital Aberto etc q facilitaria saber se alguém ta rondando a empresa.
Mas no fundo eu gostaria, seria uma bela oportunidade.

Se for a Sega, seria legal principalmente pra hater parar de comparar Xbox com a Sega.

Enfim, a probabilidade de ser um pequeno estúdio na Asia são maiores, mas não custa sonhar.
 
De todas acho a Sega a melhor em termos de quantidade de ips. Muita coisa poderia sair de lá. Um golden axe estilo god of war, um shinobi meio sekiro mas com mais plataformas, altered beast, um jet set radio, panzer dragon shooter e rpg, phantasy star estilo monster hunter, fica até difícil lembrar de tantas ips que possui. Mas caindo na realidade vai ser um estúdio pequeno mesmo.
 

fblipe

Viciado
1,570
1,698
Curitiba
Isso não muda nada, nenhum estúdio vai trabalhar menos ou ter o orçamento cortado por mais estúdios estarem chegando. Então no caso, da pra torcer pra os dois na mesma intensidade.
Eu acho que muda muito. A Microsoft passou a geração inteira apanhando pela suposta "falta de jogos". A última coisa que ela precisa agora é ser a empresa que gastou um caminhão de dinheiro comprando estúdios e continuou não entregando.
A linha entre "temos muito dinheiro" e "precisamos lucrar" é bem tênue, e o Nadella não é o Balmer. Como a Microsoft reagiria caso UM estúdio não corresponda?
Tô apenas supondo coisas. Não tenho nada contra as aquisições, mas também acho que já deu. Agora manda os jogos e guarda a carteira pra depois.
 

RAYMON

XBOX MVP
Administrador
9,875
14,954
São Paulo
Eu acho que muda muito. A Microsoft passou a geração inteira apanhando pela suposta "falta de jogos". A última coisa que ela precisa agora é ser a empresa que gastou um caminhão de dinheiro comprando estúdios e continuou não entregando.
A linha entre "temos muito dinheiro" e "precisamos lucrar" é bem tênue, e o Nadella não é o Balmer. Como a Microsoft reagiria caso UM estúdio não corresponda?
Tô apenas supondo coisas. Não tenho nada contra as aquisições, mas também acho que já deu. Agora manda os jogos e guarda a carteira pra depois.
É que tem uma pequena diferença nesse caso. Todos os estudios, com exceção da The Initiative, já estavam criados e funcionando perfeitamente, a Microsoft apenas os incorporou. E pouquissimos talentos saíram depois da aquisição (como ocorreu com a Rare na época que foi adquirida), muito pelo contrário, estamos apenas vendo mais e mais contratações de peso a cada dia. Cada estúdio continua funcionando dentro de sua própria independência.
 
  • Curtir
Reações: fblipe

jairopicanco

Viciado
4,656
9,183
Manaus
Eu acho que muda muito. A Microsoft passou a geração inteira apanhando pela suposta "falta de jogos". A última coisa que ela precisa agora é ser a empresa que gastou um caminhão de dinheiro comprando estúdios e continuou não entregando.
A linha entre "temos muito dinheiro" e "precisamos lucrar" é bem tênue, e o Nadella não é o Balmer. Como a Microsoft reagiria caso UM estúdio não corresponda?
Pra isso, a MS passou boa parte da geração Xbox One redesenhando todo o negócio da divisão de jogos para permitir essa maior rentabilidade, criando assim um cenário muito mais favorável para os jogos que forem chegando. Ou seja, antes de sair gastando com estúdios, foram 'arrumando a casa', como se diz.
Somente um grupo seleto de empresas tem recursos pra algo no nível que tem sido feito, e a MS é uma delas.

Um jogo como Quantum Break, por exemplo, certamente teria uma visibilidade bem maior hoje em dia sendo lançado day one no Gamepass.
 

IronLexPM

Viciado
2,973
3,012
Barbacena
Konami? Outro dia estávamos conversando sobre a apresentação do Series X e tinha clipe de um jogo de futebol. Primeiro nome que surgiu foi da Konami. Já pensou? Ela tem franquias clássicas, seria de mais!