Chefe do Xbox explica a importância da retrocompatibilidade

Status
Este tópico está fechado para novas postagens.

jairopicanco

Viciado
4,491
8,829
Manaus


Um dos principais defensores da retrocompatibilidade, Phil Spencer, conhecido como o “chefão” da divisão Xbox, explicou a importância do recurso em uma entrevista à Wired. Segundo ele, a opção representa tanto uma oportunidade comercial para empresas da área (que podem reaproveitar propriedades antigas) quanto como uma forma de conservar experiências do passado para as novas gerações.

“Vejo games como uma forma de arte”, explicou Spencer. “Os jogos de console podem se perder quanto gerações de hardware vão embora. Pode ficar mais desafiador jogar os games de seu passado”, continuou. “Há algo a ser aprendido das experiências que eu joguei quando era uma criança. Há um bom negócio para os donos do conteúdo, mas, como jogadores, é bom poder entender como essa forma de arte evoluiu”.

Atualmente há mais de 400 games do Xbox 360 que podem ser jogados no Xbox One, que também deve ganhar retrocompatibilidade com o Xbox original em breve. Entre as vantagens do sistema está o fato de ele aceitar sem problemas discos físicos que você já tem em sua coleção, bem como as compras digitais feitas no passado que estão atreladas à sua conta da Microsoft.

O recurso, que também estará presente no Xbox One X, também traz algumas vantagens em relação ao passado como, por exemplo, a possibilidade de jogar alguns games com taxas de quadro mais estáveis. Totalmente gratuito, o recurso foi introduzido oficialmente pela fabricante durante sua conferência na E3 de 2015.

Matéria: Tecmundo Games

Fonte Original, que aborda outros assuntos a respeito do Xbox: Wired/James Temperton
 

Morts

Viciado
11,860
6,697
Cotia
Apoiado...
Concordo com ele que não podemos ficar perdendo os games quando mudamos de plataforma, ainda mais aqui no brasil, que muitos vendem seus consoles para comprar outros.
EM contra partida eu gosto de ter todos os consoles em casa...eu até tinha...antes do meu incidente.
 

RobertPrado

Viciado
178
202
São Paulo
Eu entendo a importância também e acho algo muito positivo, mas falando por mim somente, depois que comprei meu PS4, liguei no máximo umas 10x o PS3 e não cheguei a começar e terminar nenhum jogo de PS3 também. Meu foco passou a ser os jogos de PS4 somente. O mesmo aconteceu antes, com a chegada do 3DS, não joguei mais nada de DS. Os jogos estão alí, disponíveis, mas o foco e o tempo passa a ser dedicado as plataformas novas, não sobrando tempo para os jogos da velha geração.

Quando vou jogar um jogo da geração passada, prefiro que tenha um remaster/remake, pois assim já jogo uma versão mais polida e com os DLCs juntos. Oque eu gostaria muito era que houvesse um desconto massivo no Remaster/Remake pra quem já tem o jogo da antiga geração.
 
  • Curtir
Reações: Edu Barros e Victal

Saci

Heimdall dos Pampas
Moderador
9,625
12,089
Eu entendo a importância também e acho algo muito positivo, mas falando por mim somente, depois que comprei meu PS4, liguei no máximo umas 10x o PS3 e não cheguei a começar e terminar nenhum jogo de PS3 também. Meu foco passou a ser os jogos de PS4 somente. O mesmo aconteceu antes, com a chegada do 3DS, não joguei mais nada de DS. Os jogos estão alí, disponíveis, mas o foco e o tempo passa a ser dedicado as plataformas novas, não sobrando tempo para os jogos da velha geração.

Quando vou jogar um jogo da geração passada, prefiro que tenha um remaster/remake, pois assim já jogo uma versão mais polida e com os DLCs juntos. Oque eu gostaria muito era que houvesse um desconto massivo no Remaster/Remake pra quem já tem o jogo da antiga geração.
Esse lance de ligar o console anterior também vale pra mim.

Mas vou te dizer, joguei 16 vezes mais jogos de 360 no Xbox One nos últimos dois anos do que no 360 propriamente. Ver o jogo ali na sua biblioteca digital no meio dos outros todos aumenta muita a chance de jogá-lo. Normalmente são coisas que deixei passar, mas tem também a saudades de jogos como Sonic All Star Racing Transformed, Battleblock Theater ...

Meu filho mesmo não faz muita distinção, pra ele existem os jogos que ele jogou e os jogos que ele não jogou. Como até hoje ainda tem muitos jogos saindo com pixel art, ele não entende bem essa questão de gráficos entre gerações.

Enviado do meu ASUS_Z012DC usando o app mobile do PXB!
 

HenriquePerche

Viciado
6,227
6,309
Ribeirão Preto
Pra mim a maior falha da Sony essa geração foi desdenhar da retrocompatibilidade.

A minha esperança é de que essa postura da Microsoft faça com que a Sony traga a retro pra próxima geração.
Seria extremamente ridículo se a Sony não aderisse. Ainda mais com a quantidade de compras digitais crescendo cada dia mais.

depois que comprei meu PS4, liguei no máximo umas 10x o PS3 e não cheguei a começar e terminar nenhum jogo de PS3 também
Eu também.
Mas se desse pra jogar jogos de PS3 no PS4, eu com certeza teria zerado muito mais do que zerei nesse período.
 

Tatical

Jogador
86
30
Eu entendo a importância também e acho algo muito positivo, mas falando por mim somente, depois que comprei meu PS4, liguei no máximo umas 10x o PS3 e não cheguei a começar e terminar nenhum jogo de PS3 também. Meu foco passou a ser os jogos de PS4 somente. O mesmo aconteceu antes, com a chegada do 3DS, não joguei mais nada de DS. Os jogos estão alí, disponíveis, mas o foco e o tempo passa a ser dedicado as plataformas novas, não sobrando tempo para os jogos da velha geração.

Quando vou jogar um jogo da geração passada, prefiro que tenha um remaster/remake, pois assim já jogo uma versão mais polida e com os DLCs juntos. Oque eu gostaria muito era que houvesse um desconto massivo no Remaster/Remake pra quem já tem o jogo da antiga geração.
Ai você compra o 3ds e o Pokemon BW2 sai 1 ano depois, pro DS. Primeiro jogo de 3ds que eu fui comprar foi o Pokemon Y em 2013 ( Sim, eu só tenho um 3ds pra jogar Pokémon).
Eu acho bem válida a retro, poder jogar jogos que você não jogou na geração passada é uma ótima ideia, e sempre vai ter aquela nostalgia. Claro, todo mundo quer jogar coisas novas, mas ter a opção de jogar as antigas é sempre bem vinda. Só fui jogar a trilogia do ME nessa geração.
 
  • Curtir
Reações: Edu Barros
1,774
1,288
São Carlos
Pra mim a maior falha da Sony essa geração foi desdenhar da retrocompatibilidade.

A minha esperança é de que essa postura da Microsoft faça com que a Sony traga a retro pra próxima geração.
Seria extremamente ridículo se a Sony não aderisse. Ainda mais com a quantidade de compras digitais crescendo cada dia mais.


Eu também.
Mas se desse pra jogar jogos de PS3 no PS4, eu com certeza teria zerado muito mais do que zerei nesse período.
Eu chuto que a Sony vai anunciar um console sem retro e deixar isso na manga, vai sustentar até conseguir, a galera vai cair de pau, ai boom! Anunciam a retro com o PS4, ja com o PS3 acho complicado.
 

Victal

Viciado
10,926
9,626
Retrocompatibilidade é uma coisa bacana por definição. Não tem como achar ruim ter mais opções para jogar.

Mas eu acho que ela tem mais impacto no momento de troca de console. Muita gente migrou do Xbox 360 para o PS4 lá no começo dessa geração. Se o Xbox One rodasse os jogos de Xbox 360 desde o começo, talvez isso tivesse segurado um pouco essa migração.
 

HenriquePerche

Viciado
6,227
6,309
Ribeirão Preto
Eu chuto que a Sony vai anunciar um console sem retro e deixar isso na manga, vai sustentar até conseguir, a galera vai cair de pau, ai boom! Anunciam a retro com o PS4, ja com o PS3 acho complicado.
A retro não rolou nessa geração por vários motivos, um deles é o fato do hardware do PS3 ser extremamente complexo para portar jogos pro PS4. Claro não foi só esse, mas colaborou.

Já o PS4 tem um hardware mais amigável e estaria possivelmente mais apto a ter seus jogos em um novo hardware mais forte.

Se for pra lançar vai vir do início e com uma retrocompatibilidade "verdadeira" e não emulada tipo a do One.
Se não vier no começo não vem mais.
 
1,774
1,288
São Carlos
A retro não rolou nessa geração por vários motivos, um deles é o fato do hardware do PS3 ser extremamente complexo para portar jogos pro PS4. Claro não foi só esse, mas colaborou.

Já o PS4 tem um hardware mais amigável e estaria possivelmente mais apto a ter seus jogos em um novo hardware mais forte.

Se for pra lançar vai vir do início e com uma retrocompatibilidade "verdadeira" e não emulada tipo a do One.
Se não vier no começo não vem mais.
Um dos motivos foi esse, mas quando o executivo deu aquela declaração você ja espera que não vão fazer esforços para fazer algo diferente(que no caso do PS3 é muito complicado).
 

HenriquePerche

Viciado
6,227
6,309
Ribeirão Preto
Um dos motivos foi esse, mas quando o executivo deu aquela declaração você ja espera que não vão fazer esforços para fazer algo diferente(que no caso do PS3 é muito complicado).
Aquilo foi uma opinião bem isolada (e distorcida) de um cara que não tem muito conhecimento de causa. Na real Jim Ryan tirou aquela entrevista toda pra falar merda.

Ele é responsável apenas pelo Marketing da empresa (e isso ele tá mandando muito bem).
Se as pessoas responsáveis pelo hardware disserem: "Sim, terá RC". Ele vai ter que fazer o trampo dele, focar no Marketing de retro e engolir seco.

Mas mesmo que ele apoiasse, eu ainda não acredito em retrocompatibilidade por parte da Sony.
 

HelderSR

Viciado
PXB Gold
7,025
7,181
Eu usei a retrocompatibilidade três vezes, já valeu para mim se eu nunca mais utilizá-lá.
Joguei o excelente South Park The Stick of Truth, Rayman Origins e Final Fight.
Espero muito que futuras gerações consigam manter retrocompatibilidade, ainda mais no meu caso que só compro mídia digital.

Eu tenho um PS3, também nunca mais encostei nele depois que finalizei o The Last of US .
Tenho uns 20 jogos no backlog e nunca vou jogá-los. Eu não tenho mais pretensão de ter mais do que uma plataforma,.
 
Última edição:

jairopicanco

Viciado
4,491
8,829
Manaus
Eu tinha pensado em postar a matéria na íntegra, mas ela é enorme. Optei por essa postagem enxuta do Tecmundo, por ser um assunto que puxa outros.

Desde que a retro surgiu, aliada a diversas mudanças na abordagem da M$ com os jogos, eu pessoalmente tinha (e continuo tendo) em mente que um dos objetivos é estender a capacidade de monetização do software já publicado, não ficando apenas a mercê da janela de lançamento, e isso inclusive é corroborado na própria matéria.
Daí se faz necessário desenvolver estratégias nesse sentido, adicionando novas janelas de visibilidade do conteúdo.

Então não é uma questão de 'bondade' da Microsoft, mas de uma oportunidade de negócio somada à necessidade dos developers, envolvendo a própria sustentabilidade da indústria de jogos.

Tem vários parágrafos interessantes que poderia grifar, mas tem um que talvez seja a síntese da filosofia atual da Microsoft com o Xbox.
Tradução by google translator hehe

"Ter o One, One S e One X à venda ao mesmo tempo pode parecer contrário, mas para a Microsoft, é o último toque na estrada DirectX Box, começou em 2001. O objetivo agora é o mesmo que era: fazer desenvolvimento de jogos de console mais como desenvolvimento de PCs. O Xbox One, então, é o modelo de nível de entrada; O One S é meio do alcance; e o One X permite que os desenvolvedores tornem tudo até 11. Crucialmente, todos os títulos lançados para o One X também devem funcionar no Xbox One, muito menos poderoso. Para desenvolvedores, permite que eles continuem trabalhando com ferramentas de software familiares. "O novo hardware não precisa invalidar o trabalho de software que fizemos", diz Spencer. "Nas gerações anteriores do console, houve manipulação para interromper a compatibilidade para que todos tenham que comprar coisas novas, às vezes até as mesmas versões de coisas que já possuem. O conteúdo deve ser o que impulsiona nossa indústria. Eu quero que esse conteúdo seja o mais antigo possível."
 

Morts

Viciado
11,860
6,697
Cotia
Eu usei a retrocompatibilidade três vezes, já valeu para mim se eu nunca mais utilizá-lá.
Joguei o excelente South Park The Stick of Truth, Rayman Origins e Final Fight.
Espero muito que futuras gerações consigam manter retrocompatibilidade, ainda mais no meu caso que só compro mídia digital.

Eu tenho um PS3, também nunca mais encostei nele depois que finalizei o The Last of US .
Tenho uns 20 jogos no backlog e nunca vou jogá-los. Eu não tenho mais pretensão de ter mais do que uma plataforma,.
eu usei a retro algumas vezes...
alias eu jogo muito o L4D2...então pra mim vale muito a pena...se pá eu passei mais tempo na retro do que nos jogos do xone.
 

LOCATELLi

Viciado
2,609
3,361
Rio Grande do Sul
Eu to só por liberarem a retro com o Xbox clássico, pra eu colocar meu NFS Underground 1, home theather no talo e deixar rolar:

DÃÃRRAM DOU DOOOOOOU
DARA DARA DOOOOOOOUUU
DÃÃRRAM DOU DOOOOOOU
DARA DARA DOOOOOOOUUU

uuuuuuuuuuuuuuuuu
DE UINOOOOOUUUU de inooou
DE UAAAAAAAL de uaaal
 
  • Curtir
Reações: ShAw RPG

paulobpf

Viciado
PXB Gold
1,684
1,448
Manaus/AM - Brasil
A retro p mim é fundamental. Essa ideia de levar sua biblioteca junto p a próxima geração é sensacional. Aproximar os consoles da steam. Excelente a retro c o xbox original, ótima feature do One. Pessoalmente prefiro uma turbinada de games xbox360. Temos excelentes jogos na fila do 360 que nós fãs da retro adoraríamos. Star Ocean, tales of vesperia, eternal sonata e outros jrpgs são must have nesta lista da retro.

Enviado do meu XT1097 usando o app mobile do PXB!
 
  • Curtir
Reações: Guilherme Augusto

The Herdy

Viciado é pouco
PXB Gold
3,972
1,281
Eu acho que dessa geração pra frente a retro será obrigatória e inclusive demorou muito pra acontecer. Quando você fica com 2 consoles de gerações diferentes fica dificil você manter ele ali ocupando espaço e acaba ligando menos mas ter jogos dos 2 na mesma biblioteca facilita muito, eu mesmo já comprei o oneS e o primeiro jogo que eu joguei foi Gears Judgmente.

Eu to só por liberarem a retro com o Xbox clássico, pra eu colocar meu NFS Underground 1, home theather no talo e deixar rolar:

DÃÃRRAM DOU DOOOOOOU
DARA DARA DOOOOOOOUUU
DÃÃRRAM DOU DOOOOOOU
DARA DARA DOOOOOOOUUU

uuuuuuuuuuuuuuuuu
DE UINOOOOOUUUU de inooou
DE UAAAAAAAL de uaaal
o 2 é pra mim até hoje um dos melhores se não o melhor NFS de todos e com certeza é o jogo de corrida que mais joguei na vida, tirando Mario Kart
 
Status
Este tópico está fechado para novas postagens.